publicidade

Menina, aceita que dói menos!

Eu sei que todo dia você procura pelo texto que vai “salvar” a sua vida. Você está aqui procurando a luz no fim do túnel, aquela palavra de incentivo que pode fazer você permanecer naquela relação que você insiste em não enxergar, na verdade, nela você só faz criar.



Cria porque sei que você tem capacidade de construir um enredo maravilhoso. Cria, porque você, desde pequena, sonha com o grande amor da sua vida e com aquele momento EM que estará linda, de véu e grinalda, rumo ao altar. Você cria porque acredita, cria porque é inteira e espera o melhor das pessoas…

Sabe menina, não quero que este texto desaponte você, mas por agora, eu sugiro dar uma pausa em toda essa criação e dedicação nesta relação que só faz a confundir-se. Sabe o que é? Quando a gente cria esse enredo envolvente, cheio de laços de fita, corações e amor, geralmente a gente se esquece de deixar o outro personagem principal se manifestar.

Na ânsia de viver e de sentir, você se esquece de parar e receber a sua parte. No desejo de fazer acontecer, todo novo dia é uma oportunidade de encantar e isso vai lhe consumindo pouco a pouco, você esquece de você e de enxergar toda sua criação. Pare um pouquinho, não estou dizendo que a culpa da desordem é sua, mas neste momento, veja como sua história é belíssima, mas note, nela só há você.

É você e seu esforço. Possivelmente, foi você quem enviou o convite para jantar, deixou a mesa preparada, preocupou-se em combinar os guardanapos com a louça, pediu comida no melhor restaurante ou preparou algo que ele gosta… sei também que escolheu aquele vestido que a deixa linda e colocou uma maquiagem bem suave para que ele achasse que você está sempre assim, naturalmente belíssima.


Acredite, sei que neste momento não há nenhum cansaço passando por você, porque em toda essa criação, cada segundo que você passa ao lado dele vale muito a pena (você nunca vai enxergar esse momento como uma migalha, mas precisa aceitar que é, e eu lhe respondo isso agora!)… Conte-me agora quando é que ele a chamou para ir à casa dele e pediu pelo menos uma pizza? Quando foi que comprou pelo menos um vinho barato e disse-lhe: estou sentindo sua falta, vem ficar comigo?

Eu sei, ele aceita sempre seus convites, mas pensa comigo, quem não quer ter casa, comida, roupa lavada e nenhuma obrigação? Quem não gostaria de não trabalhar e receber salário?

Até eu que sou mais besta!! Inclusive, se quiser, chama-me, eu e a torcida do Corinthians, Flamengo e quem mais estiver lendo este texto estaremos lá, porque de conforto, amor e disposição todo mundo gosta!

Acredite menina, o problema não está em você, está naquilo que você entrega, sem ao menos receber um pouquinho, é… estou falando da famosa reciprocidade.


Acorde menina, ele não está com você, ele não ama você… ele simplesmente está confortável com você, porque, afinal, você é linda, inteligente, dedicada, faz tudo por ele e o melhor,  não cobra nada! Está sempre lá, esperando pelo dia que ele vai acordar e descobrir o quanto você é incrível!

E enquanto ele não percebe, você segue se doando, na esperança de que ele se toque da mulher maravilhosa que você realmente é!

Mas, esse tempo não chega. Ele vem e não fica, ou quando vai e percebe que você está finalmente desfazendo os laços, volta para dar um pouquinho mais de esperança, ou de migalhas… Ele vem, saboreia seu jantar, olha nos seus olhos, e naquele momento você esquece do mundo! O tempo passa e a vida volta ao normal, ele não a inclui nos planos dele, não planeja as férias contigo, sequer lhe apresenta aos amigos.

Aceita menina, esse cara não é para você. E nem é porque ele não seja bom o suficiente, ele é! Ele é o cara que você pensa, seríamos imensamente felizes, mas aceite que ele está em outra fase, em outra vibe e anda sorrindo para outros olhos. Aceita que ele gosta de você, mas não o suficiente para abandonar o aplicativo, apresentá-la para os pais e postar foto no facebook.

Entenda, ele sempre vai sorrir para você, porque eu sei, ele já lhe disse o quanto você é especial, mas, por agora, ele não quer permanecer e tudo bem!! Aceita!!

Se você não der a si mesma o valor que tem, você jamais terá o inteiro. Pare de dar amor a quem não retribui. Pare de oferecer a quem não partilha… Da próxima vez que fizer o jantar saboreie sozinha, encontre sua vida sozinha, e logo, logo ele entenderá de vez por todas que o mundo não orbita ao seu redor; aí, menina, quem vai precisar aceitar é outra pessoa, e um aceite bem mais dolorido, o aceite de quem, definitivamente, PERDEU!

__________

Direitos autorais da imagem de capa: racorn / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.