Notícias

Menina de 4 anos descobre enorme pegada de dinossauro de 220 milhões de anos

capamenina de 4 anos descobre uma enorme pegada de dinossauro de 220 milhoes de anos

Da maneira mais despretensiosa possível, a incrível descoberta da menina impressionou especialistas!

Embora muita gente duvide de que os dinossauros tenham mesmo habitado o planeta, todos os dias novas evidências de sua presença surgem, e das maneiras mais inesperadas e inusitadas!

Recentemente, Lily Wilder, uma menina de apenas 4 anos, do País de Gales, encontrou um fóssil incrível num passeio com a família na praia de Bendricks, no Sul do país. A menina, que tinha medo dos animais pré-históricos, tornou-se uma fã deles depois de ficar conhecida no mundo inteiro por sua descoberta.

Conforme contado pelo CBC, Richard Wilder, pai da garotinha, relatou que ela caminhou até o fóssil e lhe disse: “Papai, olhe para isso!” A enorme pegada do dinossauro de mais de 200 milhões de anos, segundo especialistas, estava tão bem preservada, que era como se alguém a tivesse gravado na rocha fossilizada. 

A descoberta da pequena e sua família aconteceu em 23 de janeiro de 2021, de acordo com o portal de notícias, e assim que se depararam com ela, publicaram no Facebook várias imagens, para ver se alguém poderia identificar de que animal se tratava.

Logo em seguida, foram contatados por um funcionário do Museu de Paleontologia do País de Gales, que lhes pediu para retirar a publicação apenas enquanto uma equipe conseguia permissão para tirar a rocha da praia para estudo.

O estudo dos especialistas não podia ter uma conclusão melhor. Segundo reportado, o fóssil encontrado por Lily se trata de um dos melhores espécimes já descobertos na região conhecida pelas pegadas de dinossauros. 

2menina de 4 anos descobre uma enorme pegada de dinossauro de 220 milhoes de anos

Richard Wilder / Arquivo Pessoal

Cindy Howells, curadora do Museu de Paleontologia do País de Gales, disse em comunicado à imprensa que se trata de um dos exemplos mais bem-preservados de qualquer lugar do Reino Unido e que auxiliará paleontólogos a entender melhor como esses animais se locomoviam. 

Os dinossauros apareceram pela primeira vez na Terra há cerca de 230 milhões de anos, então a pegada encontrada pela menina “representa um ponto inicial muito importante em sua evolução, quando os diferentes grupos de dinossauros estavam se diversificando”, disse o museu. 

O museu relatou que os cientistas não têm uma ideia clara da espécime de dinossauro responsável pela pegada, mas que ele provavelmente media 75 centímetros de altura e 2,5 metros de comprimento.

Lily se afeiçoou bastante aos dinossauros depois de sua incrível descoberta para o mundo da paleontologia, e hoje em dia caminha para lá e para cá com um Tyrannosaurus rex de brinquedo.

A pegada encontrada pela menina, depois de autenticada, tornou-se uma das exibições do Museu Nacional de Cardiff, e as gerações atuais e futuras que se interessam pelos dinossauros terão mais uma evidência de sua existência graças à pequena.

Como forma de homenagear a colaboradora-mirim por sua incrível contribuição, os administradores do museu realizaram em uma exposição intitulada “Pegada Fóssil de Lily”, para a qual ela e seus familiares foram convidados de honra.

O Mirror reportou que a mãe da menina, Sally, 38 anos, manifestou-se muito positivamente à homenagem do museu. Ela disse que todos ficaram emocionados ao descobrir que se tratava de uma pegada de dinossauro e que está muito feliz porque o fóssil pode ser apreciado e estudado por muitas gerações. 

O museu publicou em seu perfil no Instagram a menina ao lado da pegada fossilizada. 

3menina de 4 anos descobre uma enorme pegada de dinossauro de 220 milhoes de anos

Reprodução Instagram / @museumwales

Nos comentários, muita gente parabenizou a pequena pela descoberta tão importante para os estudiosos de dinossauros e para quem gosta de visitar um museu cheio de relíquias especiais!

0 %