Notícias

Menina de 6 anos pega 100 ursos de pelúcia em máquina de mercado e doa para crianças com câncer: “Fiz de coração”

menina ursos

A menina de 6 anos que pegou 58 ursinhos de pelúcia em uma máquina que fica dentro de um supermercado de Mairinque (SP) e doou para uma instituição da cidade, decidiu que ia fazer uma nova doação para comemorar o Dia das Crianças, celebrado nesta terça-feira (12).



Com isso, Maria Clara Ribeiro conseguiu pegar mais 100 pelúcias para alegrar as crianças com câncer atendidas pelo Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil (Gpaci) de Sorocaba (SP) e de uma instituição que cuida de crianças carentes de Mairinque.

Ao g1, o pai de Maria Clara contou que a filha prometeu que, quando chegasse a 100 novos ursinhos, faria uma nova doação. A meta foi atingida e, para sua surpresa, ainda ganhou de uma fábrica outros 100 bichinhos.

“Quando fizemos a primeira ação, ela falou que gostaria de doar novamente quando juntasse mais ursinhos. Combinamos então uma ‘meta’ para ela pegar 100 até o dia das crianças e escolhemos a instituição para doar os bichinhos. Optamos pelo Gpaci, por conta da importância do trabalho deles e para alegrar as crianças que fazem tratamento.”


A ação serviu para renovar a esperança de cerca de 150 crianças que lutam contra o câncer, dando um toque de ternura para uma batalha tão difícil. Além delas, foi feita a doação de 50 ursinhos ao Lar Granada de Mairinque. Maria Clara diz que a ação de generosidade se repetirá sempre, já que pegar ursos de máquina é a sua brincadeira favorita. A visita ao GPACI ficará na memória da pequena.

“Estou muito feliz em fazer esta nova doação, amei do fundo do meu coração poder doar os bichinhos às crianças do GPACI. Todos que estavam lá ficaram muito felizes e emocionados, também agradeceram o presente. Fiz de coração”, conta.

Evelin Melissa de Araujo, psicóloga do GPACI, presenciou o gesto de generosidade de Maria Clara. Além do fator solidário, a profissional ressalta a importância da ação, que reflete na esperança de dias melhores para os pacientes que lutam contra o câncer.

maria clara doou ursinhos para criancas que lutam contra o cancer em sorocaba

Direitos autorais: arquivo pessoal.


“Este tipo de ação é muito importante para nossas crianças. Elas se sentem muito queridas e amadas neste momento em que são lembradas, como no Dia das Crianças e Natal. Vindo de uma criança, comove a gente que trabalha no hospital, como as crianças e adolescentes que fazem tratamento no hospital. A gente vê na reação das crianças a emoção de estarem recebendo este presente, vindo de outra criança que lembrou delas nesta data. Isso reflete positivamente no tratamento”, finaliza.

“Sempre gostei de ajudar”

Ao g1, o pai de Maria Clara explica que o gosto pela máquina de capturar os ursinhos de pelúcia começou há cerca de dois meses, quando ela foi instalada no mercado onde a mãe da pequena trabalha.

“Tudo começou como uma brincadeira. Quando íamos buscar a minha esposa no mercado, fomos pegar um bichinho que a Clara queria. Aí, ela começou a pegar gosto pela máquina. Quando tinha 10 bichinhos, ela me disse que ia doá-los para crianças carentes, aí eu tive a ideia de levá-los a uma instituição da cidade e ela topou. Estipulamos a meta de 50 bichinhos para doarmos, pois não sabíamos a quantidade de crianças que tinha na instituição”, explica.


E ao longo de dois meses e após utilizar cerca de R$ 800 na brincadeira, Maria Clara foi acumulando cada vez mais ursinhos de pelúcia da máquina até que atingiu a marca estipulada para a doação. E assim foi feito.

Cerca de 12 crianças do ‘Lar da Criança de Mairinque’ receberam 32 ursos doados por Maria Clara na segunda-feira (26). Apesar do valor alto, Jair ressalta o espírito de solidariedade da filha. “Ela é uma menina amorosa, muito apegada a família e gosta de ajudar as pessoas, ser solidária”, ressalta.

A coleção de ursinhos de Maria Clara não para de aumentar. Somados aos bichinhos já doados, a menina conquistou novos integrantes para a sua coleção e demonstra através da solidariedade que doá-los aos que não possuem a mesma sorte é um exercício de amor ao próximo.

“Desde que colocaram a máquina, eu sempre gostei de brincar. Quero doar mais, só não sei quantos ainda. As crianças ficaram muito felizes com a doação dos bichinhos, agradeceram muito. Fiquei muito feliz com isso”, relata.


Apesar de ter doado boa parte dos ursinhos conquistados na máquina o supermercado, Maria Clara tem os bichinhos preferidos e, por conta deste apego, não conseguiria doá-los. “Dos ursinhos que eu consegui na máquina, tem dois que gostei muito. Peguei uma zebrinha e um urso panda e amo os dois. Quero doar mais bichinhos, mas pretendo ficar com estes em especial”, finaliza.

Youtuber espanca filha de 2 anos por estragar kit de maquiagem

Artigo Anterior

“Não ser mãe não faz de mim uma mulher incompleta”, afirma Ana Paula Padrão

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.