Atitude

Menina vende limonada para combater exploração infantil e arrecada 115 mil euros

Veja como a gente não pode se conformar com as injustiças do mundo e precisa reagir pacificamente, com atitudes positivas.



O exemplo vem de uma menina de 9 anos que abriu uma banca de limonada, e já levantou mais de 300 mil reais para livrar crianças do trabalho escravo.

31c4cb41-d00c-4ee3-9b96-9a4e8e8df57f_lc 3086720d-cc47-4f30-8234-c4537454e41b


Em Maio de 2012, a pequena Vivienne Harr, viu durante uma exposição, uma fotografia de dois rapazes escravos carregando pedras grandes.

Naquele dia ela descobriu a existência da exploração infantil e, sem conseguir ficar indiferente, a menina norte-americana decidiu agir: criou uma banca de limonada e já angariou mais de 115 mil euros, cerca de 300 mil reais,  o valor de que necessitava para ajudar a libertar 500 escravos.

Com a ajuda da família, principalmente do pai, Eric Harr, que tem sido o seu braço direito, a jovem lançou o projeto “Make a Stand” para vender a sua limonada orgânica – “a Lemon-aid”.

IMG_16501 lemonade17n-3-web


Orquestra jovem no paraguai toca com instrumentos feitos de lixo

Artigo Anterior

O que você quer hoje em sua vida?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.