Comportamento

Menino carioca de 11 anos abre brechó e vende as próprias roupas para ajudar mãe durante crise

capamenino carioca de 11 anos abre brecho e vende as proprias roupas para ajudar mae durante crise

Ao perceber que a mãe estava passando por dificuldades, o pequeno carioca encontrou uma maneira de ajudar em casa. Saiba mais!



A crise financeira, que atingiu o país em decorrência da pandemia de covid-19, tem afetado a vida de muitos brasileiros através do desemprego, da diminuição de salário e lucros e da dificuldade de cuidar da família.

Muitos pais estão enfrentando grandes desafios para colocar comida na mesa todos os dias e, quase sempre lidam com esses problemas sozinhos, pois não querem descontar nos filhos, especialmente crianças, problemas que não são de sua responsabilidade.

Entretanto, algumas crianças não precisam que os pais verbalizem os problemas para entender, apenas os seus comportamentos já revelam que as coisas não estão caminhando bem.


Davi dos Santos é uma dessas crianças. O carioca de 11 anos contou ao G1 que, apesar de a mãe não falar com ele e a irmã sobre a situação financeira da família, dava para sentir que as coisas não caminhavam bem. E ele estava certo.

A família chegou a sobreviver de doações, pois o trabalho de Ariana Moreira, que presta serviços de buffet, foi seriamente afetado por conta da pandemia. Ela chegou a trabalhar com delivery, mas foi atropelada e, como não conseguiu o auxílio emergencial e o seguro do atropelamento não saiu, começou a vender os móveis da casa para ter algum dinheiro.

Foi um momento muito crítico para a família, mas a realidade mudou consideravelmente depois de Davi ter uma ideia incrível.

Ele decidiu abrir um brechó na garagem de casa para vender algumas roupas suas e conseguir algum dinheiro para ajudar a mãe a pagar as contas. O “Brechó do Davi”, que tem até perfil no Instagram, começou em março e tem ajudado a salvar a família neste período de crise.


2menino carioca de 11 anos abre brecho e vende as proprias roupas para ajudar mae durante crise

Direitos autorais: reprodução Instagram/@brecho_do_davi1.

A roupa mais cara vendida pelo menino custa R$ 10, mas ele faz uma promoção em que todas peças saem por R$1,99.

Com o tempo, o negócio de Davi se espalhou e conquistou a admiração de amigos e vizinhos, que doam peças para serem vendidas no brechó.

Ilza Vieira, uma das vizinhas, disse que se sente orgulhosa de ver Davi ajudando a mãe, e contou que toda a vizinhança está indo ao local para apoiá-lo.


Ariana contou que, com o dinheiro das vendas, o filho está fazendo sacolão toda sexta-feira e que todos os dias tem pão e, às vezes, queijo. Segundo ela, o dinheiro foi suficiente até para pagar o aluguel.

Orgulhoso do próprio trabalho, Davi também mostrou muita empatia pela mãe ao dizer que tem de ajudar e retribuir o que ela faz por ele e pela irmã.

Davi realmente foi um herói para a mãe e a irmã nestes tempos difíceis. Nós o parabenizamos por sua atitude e torcemos para que a vida da família volte ao normal o quanto antes.

Compartilhe esta história nas redes sociais!


Homem deixa dinheiro no bolso de um pai para ajudá-lo a comprar boneca para sua filha!

Artigo Anterior

Mulher se torna professora na escola em que era zeladora: “Estou vivendo meu sonho”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.