Comportamento

Menino de 7 anos leva Henry Cavill à escola para provar que seu tio é, sim, o Superman

capa Menino de 7 anos leva Henry Cavill a escola para provar que seu tio e sim o Superman
Comente!

Ninguém acreditou quando o pequeno disse que era sobrinho do Superman.

Na infância, muitas crianças podem sonhar em ser super-heróis ou pelo menos conhecer algum deles. Os desenhos e filmes podem influenciá-los a ter esse comportamento. Atualmente, para crianças, acreditar em super-herói é como acreditar em Papai Noel. Com uma certa idade, descobrem que eles não existem, então aquele encanto todo acaba — ou não.

A verdade é que, mesmo esses personagens “não existindo”, sempre haverá quem os admire e gosta de colecionar todo tipo de produto com sua marca ou que remeta a eles, e ser considerado seu “fã de carteirinha”. Isso vale para todas as idades, não só para crianças!

Você já imaginou como seria se os super-heróis existissem? Com certeza, os fãs já se perguntaram isso ou se imaginaram sendo um, ou mesmo convivendo com um. Agora, você já imaginou ser o sobrinho do Superman de verdade? E quando contar isso para as pessoas e perceber que ninguém acredita em você? Foi o que aconteceu com o pequeno Thomas, sobrinho de Henry Cavill, intérprete do Homem de Aço.

Em entrevista ao programa “The Live Kelly and Ryan”, o ator contou que tudo começou quando Thomas resolveu ir para a escola vestido de Superman, e interrogado pela professora sobre o motivo de estar vestido daquela forma, ele respondeu: “Porque o Superman é meu tio”. Henry disse que a professora então explicou para o garoto que Superman não existia. Porém Thomas insistiu na história, repetindo inúmeras vezes que ele existia sim e era seu tio.

A mãe do garoto precisou ir ao colégio para tentar resolver a situação, então ligou para o cunhado e lhe pediu para ir à escola provar que Thomas falava a verdade e mostrar a todos os seus amigos que ele era, sim, o sobrinho do Superman.

Henry também contou como conheceu o coastro de “Man of Steel”, Russel Crowe, o ator que interpreta seu pai biológico, Jor-El. Ele conta que se aproximou do astro e se apresentou, dizendo que estava pensando em ser ator, então quis saber dele como funcionava o mundo da atuação. Henry disse que ele respondeu que, às vezes, é ótimo e, às vezes, não é tão bom, porém que é divertido atuar e que eles pagam bem, além de que todos correm para pedir autógrafos, mas que ele se virou para Russel e disse “Corra!

Henry disse que Crowe ainda lhe enviou um pacote com lanches, uma camisa de rúgbi e um CD da sua banda com uma nota dizendo: “Caro Henry, uma jornada de mil milhas começa com um único passo”.

Henry iniciou em 2001 sua trajetória nas telonas com o filme “Laguna”, em 2002, ele ganhou seu primeiro papel de destaque em “O conde de Monte Cristo”, contracenando com James Caviezel e Guy Pearce. Ainda naquele ano, Henry estrelou a série “The inspector Lynley Mysteries” e o telefilme “Goodbye, Mr. Chips”.

Ao estrelar o “Homem de Aço” em 2013, Henry Cavill assumiu o manto de Superman, um filme solo que lhe rendeu mais de US$ 600 milhões. Também foi escalado para outros longas, como “Batman vs. Superman”, “Liga da Justiça”, “Enola Holmes”, “The Witcher, Snyder Cut”, por meio dos quais o ator se tornou um dos mais requisitados do mundo do entretenimento.

Quantos projetos incríveis e marcantes que com certeza milhares de pessoas no mundo acompanharam! Não é à toa que seu sobrinho Thomas sinta tanto orgulho dele e queira espalhar para o “mundo” que seu tio é o Superman.

Comente!

Corregedoria vai recolher imagens para investigar PMs beijoqueiros

Artigo Anterior

Unânime: “Um sonho de liberdade” é o filme mais elogiado na Netflix

Próximo artigo