Relacionamentos

“Meu ex-marido me traiu e teve um filho com outra. Ele espera que eu cuide da criança, mas eu não quero”

Foto: Depositphotos.com
capa Meu ex marido me traiu e teve um filho com outra Ele espera que eu cuide da crianca mas eu nao quero

Numa rede social, a mulher conta o drama que está vivendo no casamento. Confira!

A infidelidade é sempre uma realidade de muita dor e destruição dos relacionamentos românticos. Ter a confiança traída por quem confiamos plenamente nos acerta com muita força, e pode ser necessário um bom tempo para nos recompor.

O posicionamento do responsável pela traição é fundamental para que a outra parte queira ou não lhe dar nova chance, e alguns infiéis podem ir longe demais em suas exigências.

Na rede social Reddit, uma mulher relata uma situação constrangedora que está vivendo com o ex-parceiro anos depois da separação. Identificada apenas pelo usuário “AlwaysMoon0”, a mulher começa o relato dizendo que se divorciou há oito anos do ex-marido, com quem tem dois filhos, de 14 e 16 anos. O motivo da separação foi adultério, que resultou num filho que nasceu logo depois de se separarem.

A mulher não tolerou a atitude do então marido e colocou um ponto-final no casamento logo de cara, mas o homem não aceitou muito bem a separação. Segundo ela, o ex tentou a reconciliação por um tempo, até que percebeu que nada a faria mudar de ideia. Então, uniu-se à “outra”.

Para preservar sua saúde emocional, a usuária do Reddit preferiu manter uma relação distante com o ex, acrescentando que não conheceu o seu filho fora do casamento nem interagiu com  a criança até três anos após o divórcio, e quando se contatavam, a relação era sempre muito fechada.

Quatro anos depois da separação, a mulher com quem o ex se casou faleceu. Foi um baque para o homem, que desde então está solteiro, criando o filho. Essa realidade era uma oportunidade para ele assumir por completo a responsabilidade pelo seu filho, mas não é bem assim que as coisas estavam acontecendo.

Segundo o relato da mulher, em mais de uma ocasião ele lhe pediu ajuda para lidar com a maternidade, mas ela sempre se negou a colaborar. O motivo, provavelmente, foi a maneira como o seu relacionamento se encerrou.

O homem, mostrando que não tem muitos escrúpulos, tinha intenções muito específicas ao querer a aproximação da ex-mulher com o filho. Ela relatou que ele queria que fosse uma espécie de “figura materna” para a criança, pedindo para receber o menino algumas vezes em sua casa, insistindo para que o filho órfão se tornasse parte da família.

Após algum tempo, o homem sofreu um acidente e precisou ficar em recuperação. Como o filho não tinha mais ninguém, acabou sendo colocado em um orfanato temporariamente. Nessa época, ele lhe pediu para abrigar o menino, e ela mais uma vez disse que não o faria. Depois da recuperação, a criança retornou para a casa, com o pai, mas ele se revoltou com a postura “dura” da ex e, segundo relatou a mulher, também está tentando colocar os filhos contra a mãe.

O homem tem dito a todos que ela trata o seu filho “como lixo”, permitindo que ele fique em um orfanato.

Algumas das pessoas próximas a ela, como amigos, concordam que sua postura foi muito dura e que ela está errada em não ajudar, já que se trata do irmão mais novo dos seus filhos. Finalizando sua exposição, ela pede a opinião dos internautas, a fim de saber se está certa ou errada.

Nos comentários, a maioria dos internautas concorda com seu posicionamento da mulher, citando a audácia de seu ex em lhe pedir ajuda e tentar difamá-la. “Só porque você é mulher e mãe não significa que os filhos de outras pessoas sejam sua responsabilidade”, escreveu alguém. “Ele fez a própria escolha, e não tem o direito de esperar nada de você além de ressentimento”, acrescentou outro.