Notícias

Morre Yno, cão da PM agredido com estaca durante perseguição na Grande BH

Morre Yno cao da PM agredido com estaca durante perseguicao na Grande BH
Comente!

Pouco mais de 24 horas após ser gravemente ferido em uma ação na região metropolitana de BH, o cão Yno, da Polícia Militar, acabou não resistindo. Ele morreu na noite dessa sexta-feira (17), conforme informado pela corporação hoje (18). Yno foi ferido durante uma perseguição em uma mata do município de Igarapé.

“Hoje, um anjo de quatro patas que esteve entre nós voltou para seu lugar. Nosso fiel amigo Yno, cão de captura, não resistiu aos ferimentos ocasionados por um infrator”, lamentou a PM pelas redes sociais. “Obrigado por todos os serviços prestados à sociedade mineira, Yno!”, concluiu a corporação.

O perfil da Rocca (Companhia Independente de Rondas Ostensivas com Cães), equipe que trabalhava ao lado do cão, também prestou uma homenagem. “Hoje o dia amanheceu sem o brilho do sol para todos nós. Sem palavras para expressar tamanha perda que tivemos”, diz trecho da publicação.

“Só podemos agradecer a esse herói por todos os serviços prestados à sociedade mineira. Yno sempre será lembrado em nossos corações”, concluiu a companhia, que divulgou ainda um vídeo mostrando trechos do treinamento de Yno para homenageá-lo.

Agressões

O cão Yno e um irmão dele, Yank, estavam perseguindo, na última quinta-feira (16), um suspeito de sequestrar e agredir a namorada, de 18 anos. Segundo a PM, os indícios apontam que o cão teria entrado em luta com o infrator, que usou uma estaca de madeira para agredir Yno, na boca.

O cachorro foi encontrado algum tempo depois pelos policiais e foi socorrido em estado grave. O helicóptero Pégasus chegou a ser enviado para fazer o transporte dele até a unidade de cuidados veterinários. A estaca tinha aproximadamente 50 centímetros e Yno precisou passar por uma cirurgia para extrair o objeto.

Comente!

Pessoas que optaram por não ter filhos refletem sobre sua decisão agora que têm 50 anos ou mais

Artigo Anterior

Mãe de oito meninos está grávida novamente: “Não sei o sexo, mas sempre acho que será menino”, diz

Próximo artigo