ColunistasComportamento

A mudança pode ser a fuga de um mundo que não nos pertence mais…

A mudança site

Quantas vezes a gente se pega pensando que quer ou precisa mudar de ares, de lugares, de amores. Mudar as conversas, algumas companhias, mudar de emprego, mudar até o próprio estilo de vida.



Não tudo ao mesmo tempo, até pode ser que aconteça. Se acontecer, vá em frente! Porque em alguns momentos as pessoas vão nos mudar da vida delas também. É necessário aprender a se readaptar.

Papos sobre doenças, tragédias, crise, falta de amigos, falta de homens e mulheres para um relacionamento, falta de oportunidades. Conversas tensas, carregadas de raiva, tristeza, ou muito fúteis cansam.

Vamos, com o tempo observando o que nos faz bem ou não cabe mais na nossa bagagem. Há o desejo de nos desligarmos de ideias, crenças e até vontades. Há necessidade de estar só num dia e no outro, em meio à multidão e permanecer leve.


Mudar os livros e os autores, mudar o ritmo, a música e os pensamentos, quando não nos são mais adequados. Mudar a forma e a posição de se fazer a oração, se for conveniente.

Mudar assuntos que ficam remoendo o passado e duvidando do futuro. Mudar a cor do batom ou o perfume. Mudar a imagem que se criou de certas coisas e pessoas.

Se não podemos mudar o outro, os fatos, as situações, se existem resistências e convicções que não condizem com o nosso eu e que não queremos mais que façam parte da nossa história, é preciso nos mudar.

Mudar o rumo, as maneiras de se adaptar, de conviver. Afastar-se do que não nos pertence.


E não pense que tudo é muito simples. Seria, se a vida sempre fosse uma metamorfose constante.  Porém, como não é, surgem as temidas perdas e os tão bem-vindos ganhos.

E se for para sermos melhores, vivermos melhor, não há nem que ficar pensando em pesos e medidas.

Mudar as energias, conversar com pessoas diferentes, assuntos aleatórios, fugir do mais do mesmo é bom. E não mudar quem e o que nos faz bem.

Não que tudo tenha que ser radical, de repente, sem pensar, mas é vital agir, nem que seja aos poucos, porque a mudança nos transforma para permanecermos vivos de verdade.


____________

Direitos autorais da imagem de capa: dolgachov / 123RF Imagens

Uma pessoa que te ama de verdade se esforça para essas 10 coisas:

Artigo Anterior

O campo energético através do feng shui e sua criação pela intuição:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.