ColunistasReflexão

Muita teoria para pouca prática…até que…

MUITA TEORIA PARA POUCA PRÁTICA capa e dentro

Só eu acho que o mundo tá com muita teoria e pouca prática?!



Vejo fotos e textos lindos nas redes sociais…todo mundo curte compartilha, mas na hora do “vamos ver”, nada acontece!

Sobre isso, tenho uma teoria também…nada acontece, porque não houve a necessidade!

Todo mundo tem seu momento “gota d’água”, e isso tem a ver com limites, e isso, é pessoal e intransferível!


É tudo uma questão de tolerância…quem nunca ouviu de alguém: Eu não sei como você aguenta isso?

muita-teoria-para-pouca-pratica-capa-e-dentro

Aí…um belo dia você acorda e vê que chegou no seu limite. Não está mais disposta a aguentar o que sempre aguentou! E aí bate aquela crise existencial!

Mas por que? Aguentei até agora! O que mudou?


O fato das pessoas aguentarem uma coisa por muito tempo, tem mil justificativas e cada pessoa tem as suas, mas isso não quer dizer que foi uma decisão, uma atitude pensada…infelizmente, estamos no piloto automático e simplesmente as coisas vão acontecendo! Que fique claro, que isso não nos isenta de responsabilidade sobre essa situação.

Quando atingimos nosso limite, alguma coisa tem que ser feita, mesmo que a gente não saiba o que está por vir…chegou o momento de sair da teoria e ir para a prática! Momento de arriscar, de perder o medo…simplesmente porque não dá mais!

Esse sim é um momento de colocar a teoria em prática, de recomeçar, de se reconstruir, de enfrentarmos tudo aquilo que adiamos tanto!

E tenho uma impressão bem clara em relação a esse tipo de atitude…pior do que estava não fica! Porque só sai da zona de conforto, quem não está mais confortável com ela.


E se o pior já foi…coisas boas estão por vir!

Para finalizar, vamos com uma teoria bem clichê: A gente só vai saber se tentar!

Por Vanessa, que já teve esses momentos…e nãoo sabe se por coragem ou necessidade, mudou…para melhor!


Eu aprendi com o tempo que…

Artigo Anterior

4 segredos indianos para cabelos saudáveis:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.