Comportamento

Mulher conta que o filho de 3 anos assumiu o controle da sua vida e destruiu seu casamento

4 Mulher conta que filho de 3 anos assumiu o controle da sua vida e destruiu seu casamento

Ela decidiu expor seu relato para pedir ajuda e se certificar de que não era a única a passar por esse tipo de situação.



Todos nós sabemos o quanto a maternidade muda para sempre a vida dos pais, principalmente a da mãe. São muitas questões que precisam ser tratadas e resolvidas, mas a exaustão e o cansaço físico/mental são fatores impeditivos.

Quando esse tipo de confissão aparece, é a hora de ver o quanto a maternidade é desgastante para muitas mulheres. De acordo com informações do The Sun, essa mãe afirma que, desde o nascimento do filho, ele tomou o controle total da sua vida.

Ela relatou ao Reddit, fórum online, que seu casamento acabou por causa do filho pequeno. Está tão cansada e esgotada, que decidiu ser honesta e desabafar, dizendo que a criança está arruinando sua vida, e se pergunta se mais alguém se sente da mesma forma.


A mulher conta que não se vê como mulher, e sim apenas como mãe, e isso foi um dos fatores que dissolveram o casamento. A mulher destaca que não tem mais vida própria, pois 24 horas por dia, sete dias por semana, está à mercê da criança.

Afirmou que não tem descanso, mesmo ficando em casa. Ela conta de maneira frustrada, que largou a carreira para se dedicar única e exclusivamente a ele, por isso perdeu a vida própria.

Contou que o marido tem uma carreira bastante exigente, e mesmo assim, faz o que pode quando está em casa, mas não possuem mais um relacionamento de marido e mulher. Conversando a respeito disso, ele disse a ela que sente a mesma coisa, como se a vida ficasse apenas em função do filho.

Disse também que uma refeição, conversa ou outro momento não existe sem a criança chorar, gritar, empurrar brinquedos e gritar. A esposa relata que quase não fala mais com o marido, porque ele começou a se queixar disso também.


A mãe exausta fala que desistiu dos seus hobbies ou qualquer outra coisa de que goste porque não consegue fazer nada sem o filho por perto. Relatou que costumava pintar, mas não faz mais isso porque a criança sempre está por perto e coloca tudo na boca.

Se tenta assistir à televisão, o filho grita para brincar ou não consegue parar quieto por muito tempo, começando a chorar. A mãe afirma não aguentar mais o cansaço e que tudo é 100% para ele.

Afirmou que escolheu ter um filho, então entende que a vida não é mais sobre ela, e sente que não tem mais identidade, porque se entregou completamente à criança. Pediu ajuda porque admite não achar esse comportamento adequado.

A publicação fez com que inúmeras mulheres comentassem sobre o que aquela mãe estava sentindo. Quando se fala sobre filhos e relacionamentos, muitos questionamentos são abordados.


Elas apoiaram a mulher incondicionalmente e fizeram uma rede de apoio, onde explicaram que esse sentimento é bastante comum, mas que as coisas melhorariam depois que a criança começasse a ter mais autonomia. Mas afirmaram que essa sobrecarga é porque o marido não ajuda. Ficaria menos pesado para ela, se tivesse o apoio do pai, comentaram.

Capitã da PM se casa na igreja usando “vestido-farda”

Artigo Anterior

Como fazê-lo perceber que você foi a melhor mulher da vida dele

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.