Comportamento

Mulher é xingada de nojenta e preguiçosa ao compartilhar fotos de estrias no pós-parto

2 Capa Mulher e xingada de nojenta e preguicosa apos compartilhar fotos de estrias no posparto

Essa mãe decidiu usar suas redes sociais para conscientizar sobre o corpo real e mostrar que ele não é feio. Confira!



Por conta da grande popularidade da internet, o acesso a vários conteúdos se tornou mais fácil, assim como pessoas que utilizam as redes sociais para contar uma história ou dar opiniões.

Por causa disso, ficou mais comum sabermos de relatos de mulheres que se tornaram mães e estão sofrendo com o padrão estético. Elas resolveram abrir suas vidas para mostrar o que não é falado sobre o desafio de ser mãe e como o corpo se modifica no pós-parto.

Essas transformações não são bem-vistas para a sociedade, que julgam muito a aparência de uma mulher depois que ela é mãe. Por não voltar ao físico de antes, muitos acham que têm o direito de julgá-las, afirmando que são descuidadas e relapsas com a aparência.


Tudo isso porque saíram do padrão aceitável e mostram a realidade da mãe no pós-parto. Infelizmente, mulheres sofrem pressões estéticas a todo momento, e quando têm um filho se tornam alvo com muito mais facilidade, quando não voltam ao peso de antes.

Foi o que aconteceu com Sarah Nicole Landry, que decidiu não ficar em silêncio e mostrar sua realidade após dar à luz. Sua jornada está toda documentada no Instagram, onde ela revela que deixou de sentir vergonha de suas marcas, estrias e gorduras depois que teve filho.

De acordo com informações do The Sun, a jovem mãe relatou que se sente muito pressionada a voltar à forma física de antes e recebe muitas críticas e ofensas por se posicionar de maneira diferente. Aproveitou para responder a todas essas ofensas mostrando ainda mais sua barriga com estrias e cicatrizes, acendendo um grande debate.

Sua mensagem positiva acerca do corpo real alcançou grande número de pessoas, mas também vieram outras que desrespeitam sua aparência, com comentários ofensivos e muito cruéis.


2 2 Mulher e xingada de nojenta e preguicosa apos compartilhar fotos de estrias no posparto

Direitos autorais: reprodução Instagram/@thebirdspapaya

2 3 Mulher e xingada de nojenta e preguicosa apos compartilhar fotos de estrias no posparto

Direitos autorais: reprodução Instagram/@thebirdspapaya

Ela relatou que os xingamentos vão de “preguiçosa e relaxada” a “nojenta”. Alguns sugerem que faça abdominoplastia para que a barriga volte “ao normal”. Outros vão mais além e comentam que ela era “funcionária do mês de fast food”, ridicularizando-a, alegando que não pode usar certos tipos de roupas, a não ser que faça dieta ou academia.

Sarah resolveu usar todo esse ódio a seu favor e mostrou que a mudança corporal precisa ser vista com mais naturalidade, pois é absolutamente normal um corpo feminino ficar diferente depois que tem um filho.


Admitiu que se cobrir é mais fácil, tornando-se invisível para a sociedade e desaparecer dos radares maldosos, mas que não fará isso, pois essa ideia de que mulher bonita é apenas mulher magra precisa ser revista. Ela está determinada a mudar a maneira como as mães ainda são vistas.

2 4 Mulher e xingada de nojenta e preguicosa apos compartilhar fotos de estrias no posparto

Direitos autorais: reprodução Instagram/@thebirdspapaya

2 5 Mulher e xingada de nojenta e preguicosa apos compartilhar fotos de estrias no posparto

Direitos autorais: reprodução Instagram/@thebirdspapaya

Também destacou os elogios de várias mães lhe agradecendo por dar voz a elas. Por causa de sua atitude, muitas começaram a se enxergar com mais carinho e a não se cobrar mais para entrar no padrão tóxico da beleza. É dessa maneira que se muda um pensamento tão retrógrado. O exemplo que Sarah está dando para a sociedade é um grito de liberdade!


5 coisas que acontecem quando você está ao lado do homem da sua vida!

Artigo Anterior

Mãe afirma que marido a pressionou a engravidar e que só teve filho para “deixá-lo feliz”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.