publicidade

Mulher encontra cão desaparecido e recusa carro como recompensa!

Essa atitude de generosidade mostrou para a família de Benji que a bondade ainda está muito viva no mundo!



Quem tem um cão em casa sabe quão rapidamente nos apegamos a esses animais e quão importantes eles se tornam para nós. Os cães são parte da família e nos importamos com eles, assim como nos importamos com nossos companheiros, filhos, entre outros.

Por isso, quando algo acontece com esses animais, como quando se perdem, ficamos desesperados e fazemos tudo o que está ao nosso alcance para que voltem para casa sãos e salvos, muitas vezes, oferecendo em troca até mesmo algo que é de muito valor para nós, porque não podemos ficar sem esses companheiros.

Essa situação complicada foi vivida por uma família de Taubaté, no interior de São Paulo, no começo deste mês.


Em entrevista ao UOL, o pintor Emerson Albissu da Silva contou que o seu cãozinho chihuahua, de 4 anos, chamado Benji, desapareceu do quintal de casa no dia 7.

Assim que deram falta do animal, os donos começaram a espalhar cartazes pelas ruas e andaram de carro pelas redondezas, procurando sinais de Benji.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Emerson Albissu.

Benji ganhou o coração de todos e até mesmo dorme da cama do casal e ganha festa de aniversário. Por aí dá para perceber sua importância para Emerson e a esposa Débora Szabo, que têm um bebê.

Após cinco dias de busca, sem nenhum resultado, ele tomou a decisão de oferecer o carro da família, um Passat ano 1984, avaliado em R$ 3 mil, como recompensa a quem encontrasse o cãozinho e lhe devolvesse. O pintor e sua esposa divulgaram as informações nas redes sociais, esperançoso de que isso ajudaria a encontrar Benji.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Emerson Albissu.

Felizmente, depois de uma semana de buscas, a família recebeu uma notícia positiva. No dia 14, enquanto espalhava mais cartazes sobre o cão, no mesmo bairro em que vive, uma mulher falou para Emerson que havia um cão parecido com o dele no quintal da casa do seu inquilino.

O pintor foi até a casa e viu que era Benji. Ele contou que a mulher que estava com o cão o havia encontrado na rua e ficado com ele até então.

Com tudo certo, era chegado o momento de entregar o carro, como havia dito que faria. No entanto, Emerson recebeu uma grande surpresa quando ela se recusou a aceitar o carro. Ela falou que não seria justo ele ter de pagar pelo resgate do próprio cachorro.

Depois disso, os vizinhos do bairro combinaram um churrasco para comemorar o retorno de Benji e certamente darão início a uma relação de proximidade, graças à generosidade da mulher.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Emerson Albissu.

Essa é uma história muito interessante, com dois pontos positivos: a atitude da mulher, que não aceitou a recompensa por sua boa ação, e a preocupação de Emerson com o bem-estar de seu cão. Podemos aprender sobre generosidade e responsabilidade animal com as suas atitudes, e isso é algo que merece ser divulgado.

Se gostou da história, deixe um comentário abaixo e compartilhe-a com os amigos nas redes sociais!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.