4min. de leitura

Mulher que sobreviveu à leucemia dança com o doador que salvou sua vida

Alguns acontecimentos da vida chegam sem nenhum aviso prévio.


Seguimos a nossa rotina normalmente, acordando cedo, trabalhando, passando tempo com nossa família e amigos, e fazendo planos, sem imaginar que alguma notícia inesperada pode chegar a qualquer momento e transformar completamente a maneira como vivemos até então.

Quando esses acontecimentos inesperados são negativos, eles nos acertam com muita força e nos fazem reaprender a viver, sendo gratos por cada novo dia que nos é concedido e olhando para o mundo e a própria vida com muito mais perspectiva e amor.

Se temos companheiros que permanecem ao nosso lado e nos ajudam a lidar com a fase difícil, tudo fica ainda mais significativo, e a gratidão que eles despertam em nós pode acabar nos transformando em momentos muito especiais de nossa vida.


O caso que contamos hoje é uma prova emocionante de que a gratidão pode tornar a vida muito melhor.

Greta Hokanson era apenas uma menina de 16 anos quando descobriu que tinha leucemia, uma das formas mais agressivas de câncer, pois atinge diretamente os glóbulos brancos. Para que ela pudesse vencer a batalha contra a doença, precisava da medula de algum doador compatível.

Sabemos que a compatibilidade nesse tipo de caso não é simples de ser encontrada e que, muitas vezes, mesmo quando há algum doador correspondente, o contato pode falhar e os pacientes perdem a chance de se curar.

Felizmente, com Greta, as coisas não aconteceram dessa maneira. Danny Daniels, um homem desconhecido para ela até então, doou a medula que lhe permitiu ser curada do câncer e ganhar uma nova chance de viver.


“Antes de conhecê-lo, ele era o homem incrível que me doou sua medula óssea, sem que soubesse nada sobre mim”, disse Greta, que conheceu Daniels dois anos após o procedimento.

A menina sentia uma gratidão tão profunda por seu doador que, mesmo depois de adulta, não se esqueceu dele e fez questão de convidá-lo para um dos momentos mais especiais de sua vida. Greta se casou neste ano e, no momento de dançar a valsa, o que ocorre com as pessoas mais importantes da vida dos noivos, ela convidou Danny para ser o seu par.

Esse gesto lindo foi uma das maneiras mais especiais encontradas por Greta para agradecer a Danny pelo que fez por ela em sua adolescência.

Abaixo estão algumas imagens desse momento tão especial na vida dos dois:


Que gesto mais lindo! A conexão que existe entre Greta e Danny é eterna, e saber que eles sabem valorizá-la da maneira certa é realmente inspirador.

Deixamos aqui essa linda história e reforçamos esse tema tão importante em nossa sociedade: a doação de medula óssea. Seja um doador, você pode salvar a vida de alguém!

Compartilhe este artigo em suas redes sociais!

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais das imagens utilizadas no texto: divulgação Photodot Photography.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.