Mulheres casadas trabalham 7 horas a mais do que seus maridos, aponta estudo

5min. de leitura

De acordo com um estudo realizado pela Universidade de Michigan, as mulheres casadas têm um aumento de 7 horas semanais de trabalho com as tarefas de casa.



Culturalmente, as mulheres são vistas como as pessoas responsáveis pelo cuidado com a casa e os filhos, e os homens, pelo sustento da família.

Sabemos que esse padrão de pensamento vem mudando bastante, com os anos, e hoje em dia temos diferentes tipos de família, onde as funções são trocadas ou onde ambos os parceiros dividem todas as responsabilidades.

No entanto, não podemos negar que, na maioria das famílias, o trabalho doméstico é ainda uma função realizada primordialmente pelas mulheres. Todos sabemos o quanto é cansativo cuidar da casa, porque é uma tarefa que nunca está completa; as funções se acumulam rapidamente e nunca temos verdadeiramente tempo para descanso.


De fato, os cuidados com a casa podem dar às mulheres mais horas de trabalho semanais, de acordo com um estudo da Universidade de Michigan (EUA), publicado no site da universidade em 2008.

A pesquisa com famílias norte-americanas mostrou que o trabalho doméstico cria para as mulheres casadas sete horas extras semanais de trabalho, já para os homens, uma hora a menos é debitada semanalmente de suas funções em casa.

As descobertas dos pesquisadores foram retiradas de um estudo detalhado das tendências das tarefas domésticas norte-americanas.

O economista Frank Stafford, que dirigiu o estudo, disse que esse é um padrão bem conhecido e que, apesar das mudanças dos papéis dos parceiros nos relacionamentos, tradicionalmente os homens tendem a trabalhar mais fora de casa, enquanto as mulheres assumem mais do trabalho doméstico, e isso se torna ainda mais verdadeiro quando elas têm filhos.


Os pesquisadores avaliaram as atividades diárias dos participantes e buscaram saber quanto tempo de seu dia eles gastavam em tarefas domésticas, como cuidar das crianças, cozinhar, limpar a casa e outras.

Os resultados foram impressionantes!

As mulheres solteiras e jovens, de 20 a 30 anos, gastavam 12 horas semanais em tarefas da casa. Já as casadas, entre 60 e 70 anos, chegavam a gastar 21 horas.

Para aquelas com mais de três filhos, a situação é ainda mais séria: cerca de 28 horas de suas semanas eram dedicadas a essas atividades.

Para os homens, o padrão era um pouco diferente. Homens mais velhos realizavam mais tarefas domésticas do que os mais jovens, mas os solteiros faziam mais em todas as faixas etárias do que os casados. Já os homens casados e com mais de três filhos tinham apenas 10 horas de trabalho doméstico por semana.

Apesar de surpreendente, a realidade já foi mais grave. Dados colhidos pelos pesquisadores mostram que em 1976, as mulheres tinham 26 horas de trabalho doméstico por semana; os homens, apenas seis. Com o tempo e as transformações na sociedade, esses números foram se equilibrando um pouco mais, embora ainda estejam longe do ideal.

Alguns padrões antigos de construção da sociedade ainda estão presentes e podem sobrecarregar mais um classe do que outra.

Precisamos equilibrar as coisas para que os relacionamentos sejam saudáveis para ambos os parceiros.

Homens, ajudem suas parceiras em casa! Isso trará uma transformação bastante positiva em suas relações. Uma mulher que tem apoio é uma mulher realmente feliz!

Compartilhe este artigo em suas redes sociais!

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: Katarzyna BiaÅ‚asiewicz/123RF Imagens.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

* Matéria atualizada em 17/02/2020 às 2:36






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.