publicidade

Na vida, precisamos aprender a conviver com uns e a sobreviver sem outros

Se pararmos para refletir, perceberemos que nossas vidas muito se assemelham a uma viagem. Estamos constantemente em movimento, em direção ao destino final, e frequentemente nos deparamos com novas estações, mudanças de percurso, surpresas e alguns incidentes pelo caminho.



Nossa viagem começa no momento em que chegamos ao mundo e conhecemos nossos primeiros companheiros que nos ensinarão tudo sobre essa aventura: nossos pais.

Acreditamos que eles nos acompanharão para sempre, mas muitas vezes eles descem antes, e continuamos em frente sozinhos ou com outros companheiros que encontramos pelo caminho e tornam essa viagem muito melhor, nossos irmãos, amigos, companheiros, almas gêmeas.

Algumas pessoas que viajam com a gente descem e sobem sem que notemos sua presença, e outras farão questão de serem notadas, mas de forma negativa, e nos fazem torcer para que peguem a saída mais próxima.

A partida de outras pessoas, no entanto, nos traz muita tristeza e um grande sentimento de vazio. Alguns companheiros ficarão um pouco distantes, mas que estejam no mesmo vagão, e se realmente os valorizamos e queremos por perto, devemos fazer nossa parte para nos aproximarmos, antes que outras pessoas cheguem e ocupem nosso lugar.

Algumas vezes, podemos encontrar desafios em nosso caminho e muitos sentimentos diferentes sendo expressados ao mesmo tempo. Isso pode confundir um pouco nossos corações, mas é importante fazermos nossa parte manter um bom relacionamento com todos que compartilham a jornada conosco, sempre focando nos pontos positivos de cada um.


Conforme o tempo passa, as coisas mudam, e nós somos instruídos a aprender a conviver com alguns e a sobreviver sem outros. Precisamos saber lidar com as perdas dolorosas e com as presenças que não desejamos, para que possamos chegar ao nosso destino muito melhor do que começamos.

A difícil tarefa de coexistir com pessoas que nos incomodam …

Nem todas as pessoas com as quais convivemos compartilham dos mesmos objetivos, valores e opiniões que nós, e muitas vezes podem tornar nossas jornadas muito mais desafiadoras com seus comportamentos egoístas e manipuladores. Precisamos aprender a não permitir que sua negatividade nos afete e a controlar nossos sentimentos quando se trata delas.


Conviver com as diferenças não é simples, mas esses relacionamentos não podem afetar nosso equilíbrio emocional. Precisamos seguir em frente mesmo com os obstáculos. Se nos revoltarmos e decidirmos recomeçar toda vez que as atitudes de alguém nos ferirem, nunca conseguiremos trilhar um caminho saudável para nós mesmos.

Uma de nossas maiores lições na vida é aprender a viver com o diferente e com as pessoas que não nos agradam com sabedoria. Quando fazemos a nossa parte para viver em harmonia, nossas vidas melhoram e nossos relacionamentos se tornam mais positivos, porque desenvolvemos tolerância e enxergamos que outras pessoas cometem erros e são imperfeitas, assim como nós, mas que quando optamos por enxergar o lado positivo, as coisas seguem um caminho muito melhor.


Quando você não pode sobreviver sem algumas pessoas…

Existem algumas pessoas que são essenciais em nossas vidas, e que gostaríamos de manter ao nosso lado para sempre, apesar de sabermos que isso não é possível. Cada um de nós tem o próprio caminho, e em algum momento precisamos seguir em frente. Devemos aprender a deixar ir, caso contrário fecharemos nossos corações para novas conexões com pessoas que estão para chegar e que podem nos fazer muito felizes.

As novas pessoas em nossas vidas não vêm para tomar o lugar daquelas que se foram, mas para nos ajudar a enfrentar as novas realidades que se apresentam à nossa frente, dividir os fardos e compartilhar as alegrias. Nossos corações são muito grandes e neles cabem todos aqueles que têm boas intenções.

Para encontrarmos maior alegria, é essencial praticar o desapego e receber o novo com entusiasmo. A vida não anda para frente quando nossas mentes estão no passado.

Assumamos o compromisso de fazer nossas viagens valiosas. Dediquemo-nos a criar boas lembranças para nós mesmos e também para sermos boas lembranças aos nossos companheiros. Nunca saberemos qual será nossa última estação, mas podemos fazer todos os dias nossas viagens valerem a pena!


 

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.