ColunistasReflexão

Não eternize o seu sofrimento, o que for para ser, será!

NÃO ETERNIZE O SEU SOFRIMENTO capa e dentro

Desde pequenas, somos ensinadas e influenciadas sobre o poder do amor. Aquele que cura, salva e alimenta a alma, mas esquecem de nos avisar que ele também, tem efeitos devastadores. Acredito que todas nós já possuímos nossos corações despedaçados por alguém que não sentia o mesmo. E já alerto, se você não sofreu, irá.



Mas calma! Aqui não é a tia amarga com 30 gatos que vos fala, mas sim, a garota que por muito tempo achou e dizia para quem quisesse ouvir, que isso jamais aconteceria com ela, sabe aquele ditado \” 10 se apaixonarão a sua direita, 10 mil a sua esquerda, mas tu não serás antiquada”? Pois é, até que um dia aconteceu. E que belo tombo a vida se encarregou de me dar.

Se fizermos uma breve análise, chegaremos a conclusão de que tudo no começo é bom, não é mesmo? A pessoa tem aquela preocupação em saber dos seus gostos, de como você está, liga todos os dias, manda mensagens, quer te ver até mesmo no meio da noite.  Até que de repente, tudo muda, e o que era constante, não é mais. Esfria. Apaga.

nao-eternize-o-seu-sofrimento-capa-e-dentro


Sermos capazes de reconhecer que já não estamos felizes requer discernimento, amor-próprio e muita, mas muita confiança. Ninguém gosta de ficar só e é por isso que vemos tantos relacionamentos onde se tem tudo, menos afeto e respeito, justamente por conta do comodismo, já que é muito mais seguro lidar com algo que já conheço, do que ir em busca de algo novo e melhor.

O desespero chega a tal ponto, que começamos a formular planos de mudança, mas não em nós é claro, na outra pessoa. E é por meio deste stress que se eleva a probabilidade do outro se voltar para fora do que quer que se tenha, em busca de uma nova aventura, sem cobranças de preferência. Afinal, por que seguir um caminho desconhecido, se EU posso seguir no meu próprio ritmo.

Enquanto eu buscava inspiração para esse texto, li um relato que me chamou atenção, a pergunta era relacionado ao por que dos relacionamentos de hoje em dia, não durarem e alguns dos motivos listados pelos próprios internautas foram: medo de ficar só, troca de amor por promiscuidade, falta de amor, aparência e trauma, infidelidade, dentre tantos outros.

Refletindo sobre isso, percebo que estamos na geração do momento, e nada de pensar a longo prazo. Mas aí me questiono, até que ponto tudo isso é válido? O que fazer para mudar isso?


A resposta, chega a ser boba. Nada mais é do que possuir PACIÊNCIA, todas nós somos merecedores do amor. Todas nós nascemos com o dom de amar. Claro! Algumas mais, outras menos. As vezes a ponte é só uma mensagem de texto. Enfim, quando chegar a hora, você vai sentir. Simplesmente por que não haverá mais tantas dúvidas. A maturidade vai te permitir sentir com intensidade, mas sorrir com tranquilidade.

Foi como eu li uma vez em algum lugar \”o importante é não desperdiçar o seu valor com qualquer um, para quando a hora chegar, de corpo, coração e alma se entregar \” lembrem-se disso, e sejam muito felizes.

Com carinho,

Bianca Ribeiro.


Errar é um defeito comum, pedir perdão é uma virtude de poucos!

Artigo Anterior

Não falou na hora, vai explodir depois e sempre sai mais caro!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.