Notícias

“Não grite com meus filhos hoje”, apela mãe para motorista de ônibus, em vídeo viral

onibus

A mãe Cassaundra Rubi, do estado americano de Tennesse, confrotou a motorista do ônibus escolar de seus filhos e pediu para que ela não gritasse mais com as crianças.



A motorista, porém, reagiu agressivamente e chegou a mostrar o dedo do meio para Cassaundra. O momento foi gravado e compartilhado no TikTok, e já conta com mais de 32 milhões de visualizações.

No vídeo, a mãe se despede dos seus filhos enquanto eles entram no ônibus escolar e, em seguida, pede para a motorista: “Por favor, não grite com meus filhos hoje.”

A mulher retruca, com raiva: “Eu não grito com seus filhos!”, enquanto distribui máscaras para as crianças. Cassaundra afirma mais uma vez que a motorista grita com seus filhos, e a mulher a manda calar a boca.


“Quem você pensa que é? Eu só estou pedindo para não gritar com meus filhos”, diz a mãe, abismada. “Como você ousa dizer que eu grito com eles?”, pergunta a motorista. “Eles choram por isso todos os dias!”, afirmou a mãe. A mulher então fecha a porta do ônibus e mostra o dedo do meio.

Em entrevista à emissora local WJHL, a mãe contou que seus filhos gostam de ir à escola de ônibus, e por isso pensou em pedir com educação para que a motorista não gritasse mais. “Honestamente, achei que a resposta dela seria completamente diferente”, declarou.

Cassaundra disse ainda que antes de falar com a motorista, ela havia entrado em contato com o setor responsável pelos ônibus escolares no distrito. “Eu me senti tão desrespeitada e sinto que todos os motoristas deveriam ser reavaliados. É preciso ter certeza de que o motorista que leva seu filho para a escola está fazendo um bom trabalho e sendo respeitoso”, disse ela.


Procurado pela emissora, o distrito escolar afirmou estar “tomando medidas imediatas e decisivas” sobre o caso. “É nossa política investigar todas as alegações e tomar as medidas necessárias após a conclusão do processo de investigação”, diz a nota, que afirmou ainda que um novo motorista foi denominado para essa rota específica. O distrito não confirmou, no entanto, se a motorista em questão foi demitida.

Polícia indicia babá de Henry Borel por mentir em depoimento

Artigo Anterior

Idoso de 72 anos bate em flanelinha que exigiu R$ 10 por vigiar carro: “Vai trabalhar”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.