Notícias

‘Não me sinto segura’, diz Pamella após DJ Ivis deixar a prisão no Ceará

dj ivis 1

A influencer Pamella Holanda, ex-mulher de Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, afirmou na manhã deste sábado (23) que toma “todas” as medidas de segurança, mas não se sente segura.



A declaração foi feita em uma rede social após o DJ deixar a prisão na noite de sexta-feira (22).

“Obviamente não me sinto segura, nem plenamente satisfeita com os atuais fatos, mas eu preciso honrar com meus compromissos profissionais e continuar com minhas obrigações pessoais, tomando todas as medidas possíveis por segurança, não só física, mas emocional”, disse.

A defesa de Pamella também divulgou uma nota neste sábado afirmando que “todas as medidas protetivas de urgência continuam em vigor” e que o músico “permanece proibido de ter qualquer convivência ou contato” com Pâmella, ou se aproximar dela e de seus familiares.


Pamella também agradeceu pelas mensagens de apoio e preocupação que tem recebido, e disse que está bem, “na medida do possível”.

dj ivisi 2

Direitos autorais: reprodução/ Instagram

“Mais do que na Justiça, confiamos em Deus. Que tem nos sustentado, dado forças e nos iluminado em todo e qualquer passo que damos. Eu e Mel somos uma”, escreveu.

DJ Ivis, foi solto na noite desta sexta-feira por volta das 22h20, após passar mais de três meses detido no Centro de Triagem e Observação Criminológica (CTOC), em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza. Advogados e familiares compareceram à penitenciária para aguardar a saída. No fim da tarde, a Vara Única da Comarca de Eusébio havia concedido liberdade ao artista.


Ivis estava preso desde o último dia 14 de julho. O cantor foi capturado após serem divulgados vídeos onde ele aparece agredindo a ex-mulher Pamella Holanda, em um apartamento onde ambos residiam em Fortaleza.

A defesa de DJ Ivis argumentou que não há elementos que permitam concluir que ele descumpriria eventuais medidas protetivas diversas da prisão, suficientes para resguardar a integridade psicofísica da vítima. O pedido de revogação da prisão preventiva foi negado no Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) e por ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Em 24 de agosto, desembargadores da 1ª Câmara Criminal do TJCE também indeferiram o pedido dos advogados.

Entenda o caso


Vídeos gravados por câmeras de segurança interna mostraram Ivis agredindo a ex-mulher na frente da filha de nove meses, da mãe de Pamella Holanda e do amigo Charles.

DJ Ivis tornou-se réu pelas agressões cometidas contra a ex-mulher Pamella Holanda em 16 de agosto, após o Ministério Público do Ceará (MPCE) apresentar denúncia. O cantor foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará no fim do mês de julho.

A denúncia apresentada à Justiça e aceita na Vara Única de Eusébio apontou que ele cometeu violência física, psicológica, patrimonial e moral contra a ex-mulher.


James Michael Tyler, o Gunther de “Friends”, morre aos 59 anos

Artigo Anterior

Ana Maria Braga é internada às pressas em hospital após acidente em casa

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.