publicidade

Não mendigue afeto! flores não crescem em solo infértil!

Quando o amor deveria ter ficado no platônico…

Quem nunca se frustrou por ter idealizado alguém, e depois ter concluído que a pessoa não era nada daquilo que imaginava?



Pois é, esta situação não é nada agradável, tampouco confortável.

Ela nos trás uma sensação de frustração, e desapontamento. Mas fique calmo, este não é o fim do mundo.

Prender-se a um relacionamento utópico, talvez, seja o pior dos mundos em uma relação. Já que, ela parte de um pressuposto de que as coisas serão perfeitas, independente da situação; fazendo assim, abrir a tolerância para qualquer ação negativa do outro.

Fique feliz em ter percebido que a perfeição estava apenas no mundo das ideias. Como dizia Platão: somente o mundo das ideias é perfeito.

Pense de forma realista: esse tipo de relacionamento tem um potencial enorme para ser algo abusivo, sem reciprocidade.

Fiquemos no zero a zero, para não dar margem ao erro. Arriscar, apostar as fichas, e ceder as suas ideias e estilo de vida, fazem parte de um potencial relacionando.


Mas quando as coisas tendem a não ter troca, torna-se um ciclo vicioso por parte do outro, em sempre querer cobrar e nunca ser cobrado.

Às vezes, o acaso é amigo, mas quando ele não for, acenda o sinal de alerta e mensure, se valerá a pena ficar ao lado de alguém que nem o acha tudo isso.


Valorize-se! Você, com certeza, é uma pessoa sensacional! Não mendigue afeto! Flores não crescem em solo infértil.

_______________

Direitos autorais da imagem de capa: sergeblack / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.