ComportamentoColunistas

Não olhar os acontecimento sob vários ângulos, pode te fazer perder a criatividade!

NÃO OLHAR OS ACONTECIMENTO SOB VÁRIOS NGULOS PODE TE FAZER PERDER A CRIATIVIDADE

Você vai concordar comigo que as crianças são, na maioria das vezes, muito mais criativas do que nós, não é? Pelo menos enquanto não são influenciadas pelas nossas “ameaças” e “caras feias”, enquanto ainda são espontâneas e não seguem nossos padrões.



A gente vai crescendo e vai perdendo a espontaneidade. Nós vamos respondendo ao mundo procurando aceitação dos outros, procurando não sofrer…

Gosto de refletir sobre as mais diversas situações com histórias. E a história de Marjorie Wally, contada em Histórias para Aquecer o Coração, retrata bem como uma criança, com sua criatividade e espontaneidade se sai bem melhor de situações dolorosas.

Marjorie conta que estava triste, em sofrimento pelo acidente que sofreu, onde perdeu a perna do joelho para baixo. O médico já havia dado várias visualizações para fazer, pois estava à beira de uma depressão, o que prejudica a recuperação numa situação dessas. Fazia os exercícios, mas continuava sentindo-se inválida.


Enquanto aguardava o atendimento médico na clínica, saiu do mergulho em seus pensamentos negativos, quando viu um menino pequeno com um tapa olho. Depois de um tempo, perguntou ao menino o que houvera com o olho. E ele tranquilo respondeu nada demais, sou pirata.

Ela começou então, a imaginar que estava caminhando num navio, com roupas de pirata e uma perna de pau. Estava liderando o navio, forte, destemida.

Escutou seu nome e levantou. Pegou as muletas e começou a caminhada para o consultório. O pequeno olhou para ela e perguntou o que houvera com a perna dela. E ela sorrindo disse: Nada querido, também sou pirata.

A vida pode com certeza ficar e ser mais leve, dependendo dos vários ângulos de visão que a gente ativar nas situações. Afinal, se a situação é inevitável, fazer dela uma situação mais leve é cuidar da nossa saúde. É demonstrar amor por nós mesmos, é ter inteligência emocional.


E se fosse você? Já pensou?

Pense nisso com carinho, afinal, precisamos estar preparados para adversidades. Não que a gente queira que aconteça, mas ignorar que possam existir é prejudicial, pois, não amadurecemos e, se passarmos por algo crítico não aguentamos.

Grande abraço!

Isabel


Não deixe que as pessoas digam que você tem que ser igual a elas!

Artigo Anterior

Nunca deixe um pensamento te dominar!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.