publicidade

Não olhe para o que você perdeu. Aprecie o que você aprendeu…

Pratique apreciar o que você aprendeu com os erros e perdas. Algo de muito útil você levará como aprendizado para o resto da sua caminhada.

A nossa vida é um verdadeiro contrato de alto risco. Ora sorrimos, ora choramos. Ora conquistamos, ora perdemos. Por isso, todos nós estamos sujeitos a falharmos algum dia. Seja na vida profissional, pessoal ou amorosa.



Mas você já parou para pensar que sempre focamos nas falhas, decepções ou erros? Pois é. E se nós fizéssemos e agíssemos diferente?

Agir e pensar assim não exige muito de nós, apenas maturidade. E sabe como essa maturidade é alcançada? Com os erros e falhas. Pois quem nunca errou (se é que existe essa pessoa de carne e osso), não saberá lidar com os percalços da vida. Aquele que mais cai, sempre será o mais forte, aguerrido.

Certa vez, Oscar Shimidt, um dos maiores atletas e medalhistas do Basquetebol mundial, foi questionado sobre o porquê do apelido “mão santa”. Ele categoricamente respondeu: “-Mão santa não. Mão treinada”.

E é isso mesmo. Para ser um dos maiores cestinhas do esporte, ele teve que lançar mil bolas para acertar uma. E se ele não tivesse aprendido com os erros, com milhares de tentativas, certamente não teria se tornado um fenômeno do esporte.


Outro brilhante atleta, o Pelé, rei do futebol, chegou à expressiva marca de mais de mil gols na carreira. Mas você já imaginou quantas vezes ele teve que chutar a bola para alcançar essa marca fenomenal? Inimaginável. E se ambos tivessem olhado só para os erros e desistido no começo ou no meio, não teriam alcançado o que queriam. Pelo contrário. A cada bola lançada, a cada bola chutada, eram de extrema importância e ambos a colocavam em suas bagagens.

Não olhar e lembrar do que você perdeu exige prática. Pratique apreciar o que você aprendeu com os erros e perdas. Tenho certeza de que algo de muito útil será levado como aprendizado para o resto da sua caminhada.


E se você errar novamente, que ótimo! Se for o mesmo erro ou falha, é sinal de que você não aprendeu da última vez. E a vida fez questão de lhe mostrar novamente o que você precisa aprender.

Se for um erro diferente, aproveite essa rica e feliz oportunidade para tirar lições valiosas e seguir em frente. Não trate os erros como um “encosto” ou um peso na sua vida. Trate-os como uma criança.

Não importa onde você esteja. O importante é onde você quer chegar. Foque nos métodos e estratégias que utilizará para cruzar a linha de chegada. E um deles, será o aprendizado com os erros.

Por isso aprecie, aprenda e desfrute das falhas. Pois, sem elas você não chegará a lugar nenhum. O pódio dos vencedores o aguarda ansiosamente!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: artfotodima / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.