ColunistasReflexão

Não procure problemas onde não existem, se está tudo bem, simplesmente agradeça e flua com a vida!

Problemas?! Não tenho!



Hoje, vou revelar um segredo pessoal…

Na minha vida não existem problemas. Sim, eu sou uma pessoa sem problemas!

Não, não sou um extraterrestre. Apenas aprendi a não dar um valor maior do que aquele que as coisas/situações apresentam.


Cresci com a minha mãe falando: “problema é doença ruim que não tem cura”. E, assim eu também acredito que seja, e me comporto dessa forma.

Para todo o resto há alguma solução, seja refazer um trabalho, ou pedir desculpas a alguém, ou simplesmente falar sinceramente o que está se passando para que o outro (mesmo que não aceite) respeite e fique a par dos acontecimentos.

Às vezes, estamos tão acostumados com a correria e a confusão do dia a dia, que acabamos focando mais nos problemas do que nas soluções.

Ficamos presos à rigidez e esquecemos que podemos e devemos nos flexibilizar e fluir junto com os acontecimentos diários. Remar contra a maré será cansativo e pode acarretar em cansaço e sofrimento sem necessidade.


Fluir significa ser paciente e ao mesmo tempo confiante em si mesmo e na vida, sem apressar o curso dos acontecimentos.

É a confiança e a entrega, a chave que determina o ritmo dos acontecimentos harmônicos.

Pare de focar no que está errado, imperfeito, feio, velho. Acolha o certo, o belo, o correto.

Não procure problemas onde não existem! Se está tudo bem, simplesmente agradeça e flua com a vida, que as soluções aparecem e tudo, com mais ou menos tempo, resolver-se-á.


5 qualidades de um relacionamento leal:

Artigo Anterior

7 hábitos ruins que, na verdade, são bons para você!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.