Comportamento

“Não vá para a universidade”: mãe escreve carta para filhos e divide opiniões

2 capa Nao va para a universidade mae escreve carta para filhos e divide opinioes

Cathy Brown acredita no poder da educação, mas acha que não é apenas isso que torna as pessoas felizes, quando adultas.



Nossos pais sempre nos dão conselhos importantes sobre o futuro, e desde a infância tentam nos guiar pelos caminhos mais corretos e honestos, ensinando-nos a fazer boas escolhas. Também ouvimos com muita frequência que devemos levar em consideração o que os mais velhos nos dizem pois, se eles falam, é porque já viveram aquilo ou querem nos ajudar a pegar um caminho mais fácil para alcançar um objetivo.

O respeito e o amor pelos nossos familiares mais próximos facilitam ouvir seus conselhos. Mas o que acontece quando os conselhos que nossos pais têm para nos oferecer vão totalmente contra o que prega a maioria? É um tema que pode causar confusão, mas muitos responsáveis não  terão necessariamente uma postura que se espera deles.

É o caso desta mãe norte-americana, Cathy Brown, que valoriza muito mais a felicidade de seus filhos do que o cumprimento de algumas regras.


Ela defende que seus três filhos não entrem na universidade, caso isso não seja para fazer deles pessoas melhores, e persigam seus sonhos, não se sujeitando às vontades alheias.

Parece um pouco extremo, mas Cathy escreveu uma carta aos seus filhos recheada de significados mais complexos do que imaginamos. Formada em Jornalismo e viajante nata, essa mãe sabe exatamente o valor de uma graduação na vida de um indivíduo, por isso não diminui a educação formal, mas acredita que não é apenas através da formação educacional que uma pessoa deve ser respeitada.

2 2 Nao va para a universidade mae escreve carta para filhos e divide opinioes

Direitos autorais: reprodução Instagram/@cathybrown2100.

Para Cathy, a essência da vida humana é se dedicar às nossas paixões, sem nos importar com o que o outro diz. A educação é tão importante quanto a formação cultural de um cidadão, e todos devem ser respeitados da mesma maneira no escopo social, independentemente de seu posicionamento na sociedade.


Essa forma de pensar veio da própria vida. Quando jovem, Cathy decidiu fazer faculdade apenas para agradar a seus pais, o que lhe causou muitas feridas emocionais. Além de não conseguir lidar bem com as notas baixas, que vez ou outra tirava, ela se sentia muito pressionada pela opinião dos outros.

2 3 Nao va para a universidade mae escreve carta para filhos e divide opinioes

Direitos autorais: reprodução Instagram/@cathybrown2100.

Atualmente, prefere ver seus filhos felizes a cumprirem uma rotina ou um plano de vida que não lhes fará bem.

Em seu recado, Cathy explica que prefere que seus filhos peguem uma mochila e saiam pedindo carona até a Sibéria ou que abram um negócio próprio de sabonete natural, ou ainda se voluntariem no Haiti a fazerem faculdade sem desejar.


A mãe ainda explica que já tem muito orgulho dos filhos pelo que eles são e não é a universidade que aumentará esse sentimento.

Cathy se formou com honras, satisfazendo o desejo de seus pais, mas afirma que não cometerá o mesmo erro com seus filhos, por isso eles são mais livres para se tornar o que bem quiserem.

2 4 Nao va para a universidade mae escreve carta para filhos e divide opinioes

Direitos autorais: reprodução Instagram/@cathybrown2100.

Ela diz que existem um milhão de maneiras de se sustentar financeiramente e que jamais precisam se importar com o que os outros pensam. Também deseja que seus filhos aprendam a celebrar e valorizar a espontaneidade, sem matar as boas ideias pensando demais.


O que você acha da postura dessa mãe?

Comente abaixo sua opinião e compartilhe-a nas suas redes sociais!

“O elo de pais e filhos é fundamental. Deve ser valorizado, protegido e potencializado!”, diz Otaviano Costa

Artigo Anterior

Índia se forma em Medicina, atende em guarani e dá muito orgulho para sua aldeia!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.