Notícias

Nego do Borel aparece ao lado da mãe após expulsão: “Muito feliz”

nego do borel

“Muito feliz”, disse o artista nos stories.



Após ser expulso de A Fazenda 13, por decisão da direção do reality da Record, acusado de forçar ato sexual com a modelo Dayane Mello no confinamento, Nego do Borel fez a primeira aparição na web. No Instagram de Roseli Viana, mãe do cantor, ele apareceu sorridente, na madrugada deste domingo (26/9).

“Oi, meus fãs, cheguei em casa. Estou muito feliz, tamo junto”, falou Nego, que está no Rio de Janeiro. “Amanhã, a gente conversa”, emendou Roseli. “Obrigado, é nós”, completou o ex-peão. “Está tudo bem”, acrescentou Roseli, ganhando um beijo do filho.

A polêmica envolvendo Nego do Borel e Dayane começou após a festa Glow in The Dark, de sexta-feira (24/9). Eles deitaram na mesma cama e, alcoolizados, foram orientados por colegas de confinamento a dormirem separados.


Nas imagens compartilhadas na internet, o cantor mostrou resistência à ideia. No fim, eles dormiram juntos e até agitaram os edredons, mas supostas falas da modelo pedindo que Borel parasse a atividade sexual caíram nas redes, gerando grande repercussão na web.

nego 2

Direitos autorais: reprodução.

No Twitter, fãs de Dayane subiram a tag “estupro na Fazenda”, deixando-a entre os assuntos mais comentados do dia. Durante a parte da tarde, a equipe da modelo se posicionou, a emissora se manifestou e a apresentadora Adriane Galisteu falou sobre o assunto. Após pressão do público e de anunciantes, durante exibição da edição de sábado (25/9), a Record comunicou que Nego do Borel estava desclassificado do reality show.

Mãe se manifesta após programa


Roseli Viana, mãe de Nego do Borel, ficou inconformada durante a exibição do programa na noite de sábado. A emissora mostrou trechos do que aconteceu entre a noite de sexta e a madrugada de sábado, pós-festa. Ela, então, usou os stories do Instagram para manifestar sua revolta.

“Não teve abuso. Por favor, não faça isso com as pessoas. A emissora está mostrando tudo, gente. Tiraram o Maycon apenas porque a emissora foi ameaçada de perder os patrocinadores”, escreveu.


Se você presenciar um episódio de violência contra a mulher ou for vítima de um deles, denuncie o quanto antes através do número 180, que está disponível todos os dias, em qualquer horário, seja através de ligação ou dos aplicativos WhatsApp e Telegram.


Susana Vieira desabafa sobre ter enfrentado depressão e leucemia durante a pandemia: “Tive que fazer quimioterapia de novo”

Artigo Anterior

Cadelinha que viralizou ao “acenar” para clientes foi resgatada à beira da morte e “atua” como chefe de oficina

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.