Nem sempre é simples, nem sempre é tão prático. Mas Deus ajuda, concilia, mostra o caminho…

Hoje eu vivo para aprender mais sobre mim e ser alguém melhor. Vivo minha vida, tomo conta do meu espaço e mudo conforme as estações, quando o coração não se adapta a algo.



Não faço planos, porque muita coisa já desandou e eu preciso da minha fé ereta, em qualquer situação.

Nem sempre é simples, nem sempre é tão prático. Mas Deus ajuda, concilia, retrata e mostra o caminho.

Choro porque transbordo e não sou obrigada a sufocar meu espírito, não sou obrigada a segurar o mundo.

Choro porque sou frágil e sei que quando as coisas não vão bem, preciso mudar o foco e exercer uma força maior interna, preciso seguir sabendo que à minha volta milhares de pessoas também passam pelas suas provações e expiações e que eu não sou melhor que ninguém e nem vou me fazer de coitada por isso.


Hoje eu vivo como se não houvesse amanhã, mas cuidando do que tenho hoje, cuidando dos meus ideais, das minhas virtudes, da necessidade em sentir que, ao deitar, não recebi nenhuma honraria, mas elevei-me em paz e respeito. Que adormeci com menos carga nos ombros.

Por dentro, as coisas funcionam de um modo diferente. Por dentro, é onde tudo acontece. É onde os alicerces vão se fazendo, moldando, ajeitando com a conformidade do tempo.

É onde vou desatando meus nós e respirando. É onde vou deixando e aceitando as coisas com mais resignação e liberdade na alma.


Hoje eu vivo pelas coisas que preciso, pelas pessoas que merecem, pelos sentimentos que despertam a cor do arco-íris em mim.

Onde a carruagem da vida passa muita coisa acontece. Muitos tropeços e tombos acabam ferindo de alguma maneira. É onde o amor merece ser tratado com delicadeza e não com açoites no peito.

Hoje eu sou uma vanguardista do que imagino. Por vezes, uma acumuladora da saudade. Um amontoado de sorrisos que dei e que serviram de moldura para dias mais vistosos e frondosos.

Hoje eu torço pra que tudo seja mais leve, ameno, divertido. Meu desejo é o de abraçar tudo que faz bem; de conviver com tudo que me leva pra frente e me faz sorrir.

Tenho desejo de me arrumar, de colorir e perdoar com o coração, todas as dores que um dia precisei sentir. Algumas doeram de verdade, mas, superei. Assim como eu me superei em várias outras coisas. Assim como parei de olhar pra trás e parei de mentir pra mim.

Eu não me envaideço das coisas possuo, porque não possuo absolutamente nada.Tudo é empréstimo de Deus, e eu, sou só o meu destino tratando de ir.

________

Direitos autorais da imagem de capa: konradbak / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.