5min. de leitura

Nem sempre o amor chega para ficar. Às vezes, ele vem para passar

Nem todo amor que cruza nosso caminho é o amor da nossa vida. Muitas pessoas entram em nossos corações com a finalidade de mudar algo em nossas vidas ou em nós mesmos.


Elas nos acordam para o mundo, chacoalham nossos corações e quando vão embora nos deixam onde jamais imaginaríamos estar. E isso é lindo!

A beleza da vida cumprindo seu destino e causando o evoluir da alma.

Por isso, existem diversas razões para um amor acontecer, dentre elas estão essas 8:

1. Impulsionar na busca de um sonho

A relação de amor do casal protagonista do filme vencedor de vários Oscar “La, la, land” fala muito sobre isso. Pessoas que entram na vida do outro para virar o leme do barco do nosso destino rumo aos nossos sonhos. E tão logo os ventos soprem a favor, elas deixam nossas vidas.



2. Curar uma ferida

Pode ser de um antigo amor ou até um trauma da infância. Essa pessoa cruza nosso caminho para nos curar agregando à nossa vida exatamente aquilo que nos foi tirado, ou o amor que não tivemos. Tão logo cicatriza, a vida muda os rumos e seguimos sem ela.


3. Ensinar uma lição

Pode ser boa ou ruim. Alguém entra em nossas vidas para nos mostrar que é possível confiar em alguém, que existem pessoas que valem a pena. Ou elas podem nos causar um sofrimento que um dia nós mesmo causamos. Para que, sentir na própria pele, nos impeça de ferir novamente.


4. Abrir os olhos

Pode ser para a vida, trazendo novos ideais e tirando a gente do comodismo. Pode ser sobre falsos amigos ou outros relacionamentos negativos. Ou para nos fazer enxergar a importância dos gestos das pessoas que nos amam, agregando gratidão por elas em nosso coração.



5. Tirar de um ciclo vicioso

Às vezes, nossa vida está estagnada em um ciclo repetitivo e, de repente, alguém entra para transformar tudo.  Nosso comportamento rotineiro, nossas vontades e ambições diante da vida. E mudamos até de cidade, de trabalho e, principalmente, a forma como encaramos o mundo.


6. Resolver um carma

A maioria dos amores tem essa função: resgatar juntos dívidas do passado para espiar carmas. Alguns desses relacionamentos nem sempre são os mais sadios, porque guardam mágoas e rancores de outras vidas. Mas é preciso resiliência até que o carma seja desfeito e possamos seguir nossas vidas em paz.


7. Ensinar-lhe seu próprio valor

Muitos sobrepujam o valor dos outros para satisfazerem a própria vaidade. Até que, um dia, aparece em nossas vidas a pessoa que consegue ver nosso verdadeiro valor e nos reensina nossas lindas qualidades. E então, o amor-próprio ressurge e a vida fica mais leve.


8. Mostrar que você é capaz de ser amado

Então, apesar de toda insignificância que damos a nós mesmos, surge alguém que se apaixona por, exatamente, aquilo que somos. Vivemos uma linda história de amor, onde mais do que ser feliz aprendemos a enorme capacidade que temos de ser amados, com intensidade, com paixão e com muita verdade. Esses amores mais do que mudar nossa vida, tocam a nossa alma.

É, talvez, seu relacionamento acabe. Talvez, suas vidas tomem rumos diferentes e vocês até percam o contato, mas as memórias do afeto permanecerão eternamente no seu coração, porque, afinal, a vida é finita, mas o amor sentido na alma é para sempre.

Então, a todos os relacionamentos que experimentei, meu muito obrigado.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: epokrovsky / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.