Nenhum obstáculo é capaz de deter a força de um sonho!

6min. de leitura

Observar minha cachorra Kiara a brincar com outra cachorra, levou-me a refletir mais um pouco sobre a vida.

Elas estavam a correr pelo pátio em uma euforia, velozes e tão entusiasmadas, se é que posso falar assim, com passos rápidos, certeiros, como se fossem calculados.



Chamou-me a atenção a despreocupação e a liberdade com que brincavam, ao meu ver eram passos difíceis, a cada pisada era como se fossem derrapar, mas se mantinham firmes e frenéticas. Pisavam com toda liberdade na grama, quase coberta pelo mato, sem medo que pudesse ali haver espinhos ou bichos, talvez um pedaço de pau que fosse machucá-las, um arame enferrujado, ou qualquer lixo.

Não! Nada poderia conter a alegria daquele momento de liberdade e aventura.

Pensei: Poxa! Que coragem, quisera eu correr pela vida dessa forma!  Como estou sempre divagando, começou-me a decorrer pensamentos pela mente, mais do que isso, queria sentir um pouco daquela liberdade, sem medo, que elas estavam sentindo.


Obviamente você pode dizer “somos racionais”, o medo em parte nos protege, por isso não entraremos numa grama assim sem calçados ou nem com calçados.  Mas não quero falar da grama, ou das cachorras e nem mesmo correr com elas, quem poderia competir com a velocidade de um animal desses!

Mas trazer uma reflexão, qual o medo que estamos vivendo, o medo que nos protege ou o medo que nos impede?

Porque temos tanta inseguranças quanto ao desconhecido? Porque passamos uma vida toda com dúvidas ou nem mesmo nos damos ao luxo da dúvida porque não temos escolhas?

Projetar um sonho, traçar um plano, visualizar uma estrada e então ir, sem medo de pisar no solo da vida, sem medo de espinhos, do bicho-homem, do lobisomem, ou de quem está parado somente a olhar. O desconhecido só é desconhecido até você descobri-lo!


Ter a certeza na mente que nossos pés são mais  fortes do que os conhecemos e estão preparados para pisar no solo, antes  somente visto, com confiança, se jogar na realização de um projeto, seja quantos ou quais forem. Se tivermos coragem para isso, perceberemos que a vida, o vento, tudo irá caminhar em uma perfeita harmonia como se soubéssemos exatamente o próximo passo.

Não nos importar tanto com opiniões que não sejam as nossas, ouvir mais a nossa voz interior, todos temos uma voz gritando dentro de nós para ser ouvida! Fazer uma coisa diferente todos os dias, é possível sim! Qualquer coisa, pode ser algo pequeno como acordar cinco minuto antes e ficar se admirando no espelho. Soltar o nó da gravata, jogar as pernas sobre a mesa, descer do salto que machuca o pé, pisar com firmeza no chão da vida!

Somos capazes e vamos chegar lá! E quando chegar, continuar, porque o caminho não tem fim, há mais espaço, mais terreno a ser explorado, mais energia a ser gasta. Temos talento, e mesmo que seja um talento é o que precisamos em nossa jornada chamada vida. Quem sabe ainda nós granjearemos outros talentos deixados no caminho por quem não os usou ou nem sequer deu-se ao trabalho de descobri-los.

Temos obstáculos na vida? Sim, e muitos! Mas nenhum deles é capaz de deter a força de um sonho, isso é importante admitirmos todos os dias.

Para mim o maior obstáculo a ser superado é a morte, e ainda assim diante dela, tantos afetados com a perda conseguem seguir adiante, muitas vezes em homenagem aos que se foram a seguir outro caminho. A morte não é o fim, mas o começo em um lugar ainda desconhecido para nós, seres finitos.

Nunca houve tempo para murmúrios, reclamações, frases pessimistas como “não vou com a cara”, para falta de perdão. Nunca houve tempo para deixar para depois, mas sempre há tempo para ter um cachorro, um gato, um bicho de estimação, sempre houve tempo para um sorriso, um papo, um “Oi! Você está bem?

Não sei o que nos falta, se é a  coragem, se a fé, a convicção, mas mesmo que nos falte tudo isso, vamos continuar rumo ao sonho que está proposto em nosso coração, porque pode ser isso a razão da nossa existência, e através dessa realização muitos serem afetados e abençoados por ela.

O sonho nunca é individual, nem a sua realização, mas a escolha de conquistá-lo sim, está é individual e intransferível!

____________

Direitos autorais da imagem de capa: massonforstock / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.