publicidade

Nesta Páscoa, entregue-se a Deus, continue confiando, acima de tudo!

Quando não houver o que fazer, confie Nele, pois a reta final será alcançada. Ela poderá ser tortuosa, mas levará ao êxito.



Por vezes, somos tentados e submetidos a testes em vida para a Vida! Caminhamos no deserto, com as forças esgotadas. Vemos o que não existe e não enxergamos o que está diante dos nossos olhos.

A miragem desértica ofusca a nossa visão e confunde-nos sobre o melhor caminho a seguir, se é que há caminho a seguir.

Por vezes, também nos sentimos um pouco como Cristo, abandonados, sem uma resposta imediata de Deus! Sentimo-nos no Monte das Oliveiras, como se as nossas orações não fossem mais ouvidas por Deus, como se o som da nossa voz não tivesse mais força para sair e, mesmo à exaustão, conseguimos pedir que o cálice seja afastado mas, acima de tudo, que se faça a vontade Dele!


Em outras vezes, também nos sentimos traídos por Judas e entregues ao calvário, em caminho sem volta, cuja única saída é a morte, e morte de cruz!

A morte vem, alcança e nos aplaca, porém não para o fim, mas para o despertar em uma nova vida, e vida de Ressurreição! Vida nova, assim como a mariposa que se desenvolve em silêncio, até se libertar do seu casulo para poder sair voando em plena liberdade pelo mundo e, mais do que isso, dentro de si, em autoconhecimento profundo.

Assim, se não há o que fazer, quando parecer que nada mais há a fazer, espere e não perca a fé. Deus saberá exatamente quando agir. E Ele age, normalmente, em silêncio.

Quando não houver o que fazer, confie Nele, pois a reta final será alcançada. Ela poderá ser tortuosa, mas levará ao êxito.


Se não há o que fazer, continue confiando em Deus!

 

Inspiração: livro “Enigma – Todo começo tem um fim”, de minha autoria. Ed. Letras do Pensamento, 2018.

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: serezniy/123RF Imagens.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.