Família

Neto larga o emprego para cuidar da avó de 105 anos com Alzheimer e abandonada pelos filhos

Capa Neto larga o emprego para cuidar da avo de 105 anos com Alzheimer e abandonada pelos filhos
Comente!

O jovem deu uma pausa na sua vida para cuidar da avó, a qual precisava dele naquele momento!

O jovem Anderson Lima, de 29 anos, deixou para trás dois empregos, suas fontes de sustento, para cuidar da avó, uma senhora de 105 anos, que morava no sertão de Pernambuco.

Ter dois empregos, em plena crise econômica, é o sonho de muitos brasileiros, mas Anderson não pensou duas vezes em deixar tudo para trás para cuidar de quem realmente precisava dele, sua avó Francisca Ramalho. Além da idade avançada, dona Francisca foi diagnosticada com Alzheimer. Os dois moram numa casa simples no Sítio do Desterro, na zona rural de Serra Talhada.

A senhora recebeu o diagnóstico em 2013 e, desde então, foi perdendo as habilidades para ações básicas, como andar. De acordo com informações do portal de notícias NE 10, dona Francisca se esqueceu de praticamente tudo, inclusive dela mesma. Essas limitações foram alguns dos motivos pelos quais Anderson decidiu se mudar para mais próximo da avó, para lhe dar mais assistência.

Na casa, é Anderson quem cozinha, limpa, lava roupas, leva a idosa para tomar seu banho de sol diário, entre outras atividades que ficam sob sua responsabilidade. Ele é quem está a cargo dos cuidados para manter Francisca e a casa bem cuidadas.

2 Neto larga o emprego para cuidar da avo de 105 anos com Alzheimer e abandonada pelos filhos

Direitos autorais: Reprodução / TV Jornal Interior

Para Anderson, tudo o que está fazendo pela avó atualmente é uma forma de retribuir-lhe o tanto que o ajudou no passado, quando quem precisava de acolhimento de carinho era ele.

O homem contou que, quando criança, o pai o abandonou e pouco tempo depois sua mãe veio a falecer, e foi nesses momentos que mais precisou, que quem cuidou dele foi dona Francisca, sua amada avó. Anderson conta que os demais filhos de Francisca moram em Goiás, bem distante dela, e não tomaram a iniciativa de cuidar dela. Como foi a senhora quem cuidou de Anderson na infância, ele não pensou duas vezes em deixar tudo para trás e cuidar da idosa. Anderson disse que jamais conseguiria abandoná-la, principalmente quando ela mais precisa de ajuda por conta da saúde debilitada.

Para pedir demissão, Anderson até mesmo explicou a situação para o seu patrão. O empresário pediu-lhe para não sair, já que desempenhava logo duas atividades, mas o homem estava decidido: deixou tudo para cuidar de Francisca.

Vizinhos e conhecidos, todos admiraram a atitude de Anderson. Um morador da mesma rua observou sua mudança e disse que achava o gesto do rapaz uma demonstração do amor verdadeiro entre um neto e uma avó.

Anderson disse que não tinha como tomar outra decisão quando viu sua avó passando necessidades. Ele reconhece que foi a própria dona Francisca quem o ensinou desde pequeno a importância de estender a mão para o outro em seu momento de necessidade.

O neto diz que foi Francisca quem o moldou para ser o homem que é, que só chegou aonde chegou graças aos ensinamentos dela. Anderson reconhece que cuidar de um idoso, ainda mais com idade tão avançada como dona Francisca, com 105 anos, não é uma tarefa fácil, ainda mais como no caso de sua avó, que lida com uma doença degenerativa.

O rapaz reconhece as dificuldades por largar tudo e viver em função das necessidades da avó, mas ele não quer ver dona Francisca em um asilo, por isso vai se esforçar ao máximo para oferecer-lhe uma vida tranquila e cheia de muito amor e zelo.

Mesmo que os filhos dela estejam longe e suas memórias estejam lhe escapando por conta do mal de Alzheimer, o coração de dona Francisca certamente reconhece o amor que seu neto lhe dá!

Comente!

Uma mulher adota uma bebê recém-nascida e descobre que é irmã biológica de seu outro filho adotivo

Artigo Anterior

Criança autista fica dias trancada com mãe morta dentro de casa em GO

Próximo artigo