CiênciaFelicidade

Neurocientistas explicam como ser verdadeiramente feliz!

neurocientistas

Abaixo estão 8 dicas de neurocientistas sobre como se tornar uma pessoa verdadeiramente feliz.



Esperamos que essas dicas possam motivá-lo a se tornar a versão mais iluminada de si mesmo!

1. Aprender a agradecer

Sempre que agradecemos uma pessoa, o destino ou qualquer outro ser ou coisa por algo, nós estamos nos concentrando nas coisas positivas de nossas vidas. Essa atitude positiva estimula a produção de serotonina no córtex cingulado anterior. Esta é uma técnica frequentemente usada no tratamento contra a depressão.



2. Resolver um problema de cada vez

Nossos cérebros estão constantemente procurando soluções para os nossos problemas, isso consome energia. Quando o cérebro se cansa e o problema ainda permanece não resolvido, nós ficamos ansiosos e irritados. No entanto, quando ele encontra uma solução, recompensa com uma dose de neurotransmissores que acalma o sistema límbico e nos ajuda a ver o mundo de forma positiva novamente. Portanto, é bem mais benéfico lidar com um problema de cada vez.



3. Falar sobre as coisas que o incomodam

É aconselhável não mantermos nossos problemas reprimidos. Por mais que possamos parecer negativos e reclamões, sempre que falamos sobre nossos desgostos, nossos cérebros desencadeiam a produção de serotonina e até mesmo conseguem encontrar alguns lados positivos para a situação.


4. Manter contato físico


A interação social é realmente importante para nós, até mesmo ajuda as pessoas a se recuperar de doenças. Se eliminarmos nossas interações com outras pessoas, o cérebro perceberá isso da mesma forma como percebe a dor física: as mesmas zonas cerebrais se ativam em ambos os casos. Isso, por sua vez, desencadeia os processos que afetam seu humor e contribuem para o desenvolvimento da depressão.


5. Constante aprendizagem

Adquirir novos conhecimentos possibilita aos nossos cérebros a capacidade de sempre se adaptar a um ambiente em mudança. Através da aprendizagem, nossos cérebros se desenvolvem e recompensam suas conquistas com dopamina, o hormônio da alegria. Se você quer ser feliz, não tenha medo de tentar algo novo, fazer mudanças, e principalmente aprender coisas novas.



6. Praticar esportes

É como se a atividade física fosse um estresse para nossos corpos. E depois que passamos por esse estresse, nosso corpo é recompensado com endorfinas, liberadas pela glândula pituitária. Seu efeito é semelhante à morfina, reduz a dor e eleva o humor. A boa notícia é que mesmo atividades simples, como uma leve caminhada, podem promover esse resultado.



7. Dormir bem

Quando dormimos no escuro, nosso corpo secreta o hormônio melatonina. Este hormônio retarda todos os processos no corpo, o que o ajuda a recuperar e aumentar o nível de serotonina no hipotálamo. No entanto, quando ocorre uma mudança na iluminação, o cérebro desencadeia a liberação do hormônio do estresse para despertar rapidamente o corpo. Por isso é tão importante dormir de 6 a 8 horas por dia apenas em ambientes escuros.


8. Manter expectativas agradáveis


O processo de esperar por algo agradável é semelhante à resposta aprendida de salivação. Nosso cérebro pode sentir prazer apenas por antecipar alguma situação agradável. É por isso que gostamos de contar as horas e os minutos para algum momento especial.

__________

Direitos autorais da imagem de capa: evgenyatamanenko / 123RF Banco de Imagens


6 atitudes práticas para eliminar nosso maior erro: esperar pela felicidade!

Artigo Anterior

A janela que você escolher revelará suas qualidades!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.