5min. de leitura

No facebook, a minha felicidade é melhor que a sua!

Observando as pessoas no facebook, constatei que a maioria delas tem duas vidas, isso mesmo, duas versões cotidianas.

Uma que elas realmente vivem e a outra que postam nas redes sociais. Que servem de vitrines convencionais para as vidas perfeitas de seus usuários.


Ora, nela não tem como encontrar ninguém infeliz, nem feio, desempregado e tampouco encalhado… É tudo muito perfeito, casais felizes, pais amorosos, namorados apaixonados, empregos dos sonhos…

No dia que criarem um filme de ficção sobre um país onde todos são incondicionalmente felizes e sem defeitos, esse país na certa, será chamado facebook!

E não seria mais justo, pois na rede todos são protetores dos animais, todos são contra a corrupção, até porque são da mesma forma incorruptíveis, nem fila de banco furam !


Mas se tem um ramo empreendedor, diga se de passagem, que deve muito a tão falada rede, são as academias de ginástica! Você imagine o aumento de matrículas depois do boom do facebook!

Porque o legal mesmo é ir a academia para tirar foto em frente ao espelho, para que todos vejam o seu modelito esportivo, a marca, a cor, o design…

Então, o que importa não é propriamente exercitar-se e cuidar da saúde, e sim mostrar a todos que você frequenta os tais falados treinos, na academia do momento ( até hoje não sei porque “treino” se ninguém é atleta)… Tem gente que até faz pose nos aparelhos, para sair bem na foto.


E os casais perfeitos? Ahhh como não notá-los ?! Principalmente os que fazem perfis  juntos, fica tipo dupla sertaneja como vi essa semana :” Simone e Fabiano ” nossa, imagina na notificação! ”Simone e Fabiano curtiu sua foto” aí você pensa, foi a Simone ou o Fabiano? Ou os dois entraram em acordo e resolveram curtir minha foto? Dúvida cruel!

Quando na verdade muitas vezes essa união só é realmente possível em foto de perfil, porque na realidade brigam um dia sim, e no outro também.

Sem falar do milagre da beleza instantânea que só o facebook proporciona!

Quem nunca conheceu alguém nesse glorioso mundo virtual com uma pele perfeita, maquiagem impecável, nariz de camafeu… E quando a encontra pessoalmente se pergunta: ”Quem é aquela pessoa que está no seu perfil ?”  A resposta é filtros e mais filtros, e um básico photoshop.

O facebook também é palco para mães adolescentes que ainda nem concluíram os estudos, exibirem seus bebês, com a legenda “ Ser mãe é padecer no paraíso” frutos de uma irresponsabilidade, a qual todos sofrem inclusive a criança, mas nas redes sociais, os infortúnios de uma maternidade precoce são deixados de lado, pois o que vale mesmo é manter uma pose triunfante, com fotos e mais fotos do seu feliz chá de fraldas.

Há também os que adquirem muitas dívidas para impressionar os seus mais de 4 mil seguidores, aos quais não os conhece realmente de fato, e que não se pode contar pelo menos com 100. Mas para manter uma vida de aparências, é preciso tornar concreta uma vida idealizada. Então, afoga-se em problemas financeiros, e sofre muito por isso, mas em compensação sua vida virtual será digna de muitos likes, comentários de parabenizações, admiração, e também atrairá inveja por algo fantasioso, que precisa ser exibido e ostentado em forma de objetos, viagens, restaurantes… Para que seu ego continue inflado e sua moral em constante crescimento, porém na mesma medida de suas ilusões.

E atrás dos bastidores de todas essas glórias e perfeições o que sobra ? Um fingimento desesperado para mostrar aos outros uma vida que não existe, meias verdades, simulações de uma rotina perfeita, uma realidade editada. E você fica se culpando por sua vida não ser nem metade do mar de rosas, que seus amigos exibem.

Mas seria o facebook o responsável por tudo isso?

Claro que não, ele apenas serve de plataforma para toda a vaidade e exibicionismo humano, além de uma necessidade desesperada por uma felicidade urgente e forjada, nada mais que tudo de mentirinha só para te impressionar.

Até porque, sempre sorria, você está sendo clicado!

___________

Direitos autorais da imagem de capa: vadymvdrobot / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.