ColunistasComportamentoReflexão

Novo caminho… Novas estradas…

Há uma semana já não tomo mais os remédios. Uma decisão difícil de tomar, mas depois de uma das piores crises descobri que depende somente de mim fazer o controle. Não sinto que os remédios estão me ajudando.



Será uma nova experiência, mais centrada de para onde não quero mais voltar. E me esforçando de verdade para não ir para lá. Tomando cuidado com o que deixo entrar na minha mente e principalmente na minha vida.

Segui o conselho que tive na igreja e abri as portas que tinha mais medo de mexer no porão das minhas emoções. Não foi tão difícil como imaginei que seria. Sinto como se compartilhar o peso daquela situação tivesse me ajudado a me manter com os pés mais firmes no presente. Realmente tive muita sorte de poder compartilhar meu peso com uma pessoa que tem um grande coração e soube muito bem dividir as coisas comigo.

NOVO CAMINHO - 02


Não penso mais em como teria sido diferente se tivesse me aberto com ela no tempo certo. Porque agora ela sabe. De qualquer forma eu me abri, e essa pessoa foi de uma delicadeza exuberante. Bem como o cara que eu conheci.

Tem sido uma luta cada vez mais solitária enfrentar os monstros de frente, sem temer o que os outros possam pensar ou talvez até que eles desistam de permanecer na minha vida. Não quero que eles desistam, mas definitivamente, não vou mais me esforçar sozinha para que fiquem. A vida é feita de escolhas e eu preciso de pessoas que se sentem seguras do meu lado e que queiram permanecer nele.

Para você fazer falta ou a diferença na vida de alguém você precisa estar presente na vida dela quando ela precisa e não somente você. Ela tem que querer crescer e construir com você porque se não for assim ela não resistirá aos dias ruins. Pode ser que muita gente se perca nesse meu novo caminho, mas sendo bem egoísta o importante nesse momento é que eu não me perca nele, por nada e por ninguém.

Pode ser que considerem um excesso de amor próprio, mas não é. Simplesmente manter as pessoas na vida tem gastado uma energia que eu ainda não tenho e isso te me deixado completamente cansada e me impede de ser eu. Eu sou uma pessoa intuitiva e que não tem medo nenhum de ser impulsiva ou que pensa menos e age mais. Esse é o meu jeito de ser e eu quero que as pessoas que fazem parte da mina vida se orgulhem, respeitem a minha personalidade e principalmente consigam conviver e sobreviver a ela sem maiores desgastes e de uma maneira bem leve.


NOVO CAMINHO - 03

O desejo é que daqui para frente eu possa dividir com ela, essa pessoa e ela possa dividir comigo a pessoa que ela é porque somente assim teremos uma relação e que possamos nos completar nas nossas diferenças sem nos agredir ou nos diminuir um perante o outro.

Aos demais agradeço tudo que fizeram por mim, mas a minha estrada esta tomando um rumo diferente.


Não iluda ninguém enquanto não estiver pronto para amar!

Artigo Anterior

Aconteceu no seu próprio tempo! não sei bem quando foi, mas foi no tempo certo!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.