2min. de leitura

O caminho da gratidão há de me fazer sorrir…

O caminho da gratidão há de me fazer sorrir…


Não vou desistir da vida porque um dia desistiram de mim.

Nem me lembro de quantas desistências também me permiti.

Não vou deixar de sorrir, porque o choro sem alarde seca e molha a terra da alma. É daí que o coração se renova.


Não vou deixar de pensar em mim por conta das imensas cobranças que jogaram em meus ombros ou por conta de algum peso morto.

Cada dia caibo um pouquinho mais nas coisas que me concedem paz.


Tenho renascido sem gritar. O silêncio é mais sincero e intenso.

Na verdade sou sol buscando a luz que irradia feito ouro.

Nada me pertence a não ser o começar e terminar dos dias.

Tenho carta de alforria diante da vida. Tenho a mim. Sou livre mesmo diante de qualquer pesar.

Felicidade é essencialidade; é aproximação com o eu.

Sou livre pra ir e voltar.

Visto minha dignidade e piso onde quiser.

Que Deus me acompanhe num bom proteger de amor e Luz.

O caminho da gratidão há de me fazer sorrir.

Cada respiro de vida é caminho sustentado pelo poder Divino.

Foi assim que aprendi.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.