4min. de leitura

“O maior sinal de que tomamos a decisão certa é ter o coração em paz”

Sempre que tomar alguma decisão, aprenda a identificar como ela deixou o seu coração. Se a paz prevalece, é sinal de você fez o que deveria fazer


Muitas vezes, ficamos em dúvida sobre as nossas próprias atitudes. Não sabemos se agimos certo com as outras pessoas ou com nós mesmos, nem se as nossas escolhas nos trarão consequências positivas ou negativas.

Pensamos em todas as coisas que poderíamos ter feito diferente, todas as palavras que poderíamos ou não ter usado e em como as coisas aconteceriam se tivéssemos seguido outro caminho.

Quebramos nossas cabeças tentando prever o que está por vir ou refazendo cada um de nossos passos, na tentativa de justificar tudo o que fizemos. Quando encontramos qualquer possível erro, nós nos culpamos e nos humilhamos para conseguir o perdão das outras pessoas.


O problema dessa atitude é que muitas vezes tiramos conclusões precipitadas e nos culpamos por coisas que nem mesmo fizemos. Tentamos encontrar validação no lugar errado.

Se quisermos realmente saber se a decisão que tomamos foi certa, não devemos perguntar a outras pessoas ou visitar experiências passadas infinitas vezes julgando cada um de nossos movimentos. É só analisarmos como nossos corações se sentem.

A maior comprovação de uma atitude certa é um coração em paz. Quando agimos com sabedoria não há motivo para ficarmos tristes ou cansados.

Ainda que as nossas atitudes não tenham nos alegrado, elas foram necessárias e acabarão por nos levar a uma realidade melhor.


O coração de uma pessoa que agiu corretamente não perde tempo preso em situações que já passaram. Ele se concentra em bons sentimentos e segue em frente, sabendo que há muito mais para chegar.

No entanto, quando tomamos decisões erradas, pode ser muito difícil manter a paz em nosso ser. Existe um sentimento constante de insatisfação, tristeza e inquietação. Sabemos que precisamos consertar as coisas para que nossos corações possam voltar a estar tranquilos novamente.

Os nossos corações sempre refletem o estado em que nos encontramos. Se estamos felizes, eles estão bem; se estamos tristes, sentimos um aperto constante. O mesmo acontece quando não estamos contentes com nossas decisões.

Portanto, sempre que tomar alguma decisão, aprenda a identificar como ela deixou o seu coração. Se a paz prevalece, é sinal de você fez o que deveria fazer e não precisa perder tempo pensando em coisas negativas.

Entretanto, se você se sentir incomodado e não conseguir seguir em frente, é sinal de que alguma coisa precisa ser corrigida, e você saberá o que é.

Faça do seu coração o maior termômetro de suas atitudes e você nunca mais sofrerá por antecipação, porque ele sempre lhe mostrará tudo aquilo que você precisa saber.


Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.


Direitos autorais da imagem de capa: reprodução.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.