4min. de leitura

O PODER DAS INTROVERTIDAS!

Susan Cain, autora do livro Quiet: The Power of Introverts in a World That Can’t Stop Talking (silêncio: o poder dos introvertidos num mundo que não consegue parar de falar), cuja conferência na plataforma de ideias TED Talks é uma das favoritas de Bill Gates, defende ao extremo a riqueza criativa que surge da solidão e pede, pelo bem de todos, que se pratique a introversão.


“Sempre me disseram que eu deveria ser mais aberta, embora eu sentisse que ser introvertida não era algo ruim. Durante anos fui a bares lotados, muitos introvertidos fazem isso, o que representa uma perda de criatividade e de liderança que nossa sociedade não pode se permitir. Temos a crença de que toda criatividade e produtividade vem de um lugar particularmente sociável. Só que a solidão é o ingrediente essencial da criatividade. Darwin fazia longas caminhadas pelo bosque e recusava enfaticamente convites para festas. Steve Wozniak inventou o primeiro computador Apple sentado sozinho em um cubículo na Hewlett Packard, onde então trabalhava. Solidão é importante. Para algumas pessoas, inclusive, é o ar que respiram.”

Cain lembra que quando estão rodeadas de gente, as pessoas se limitam a seguir as crenças dos outros, para não romper a dinâmica do grupo. A solidão, por sua vez, significa se abrir ao pensamento próprio e original.

Reclama que as sociedades ocidentais privilegiam a pessoa ativa à contemplativa. E pede: “Parem a loucura do trabalho constante em equipe. Vão ao deserto para ter suas próprias revelações”.


Muitas mulheres são introvertidas por natureza e devem valorizar isso, afinal, este além de ser o seu diferencial, te ajuda a ser quem você é de verdade e, não existe nada mais chato do que você se passar por quem você não é, não é verdade?

As introvertidas, em sua maioria, são mais analíticas, pensativas e racionais. Não deixam de ser emocionais quando requeridas afinal o cérebro feminino pela sua abordagem holística e voltada para a resolução de todos os aspectos, analisa e compreende tudo de forma sistemática.

Uma vantagem que as introvertidas têm é nos relacionamentos também, mesmo com as dificuldades preliminares como timidez e aversão a saídas para conhecer novos rapazes.


Por analisarem com maior propriedade, acabam desenvolvendo novas habilidades de análise do seu futuro parceiro mais apurados, sendo mais críticas quando vêm que algo não condiz com o conteúdo.

Em suma, quando vêm um homem que fala uma coisa e não faz, é carta fora do baralho… Lembrando aqui, que pode ser que você tenha sentimentos por ele e possa querer investir mais tempo. São escolhas, como qualquer outra decisão que faça em sua vida.

Já pensou que você pode ser introvertida e não sabia?





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.