ColunistasReflexão

O poder das palavras!

Se tem um pedido que eu faço sempre em minhas orações é, ter o dom da caridade em forma de palavras. Está é a minha forma de doação.



E te conto que, o mundo me devolve em dobro. É como surfar numa onda de boas energias e nela ficar.

Meu pedido é sempre muito simples, mas cheio de tópicos e palavras certas, pois vou ser atendida e detalhes são importantes.

E já que vou pedir, peço direito!


  • Que eu seja a pessoa certa na hora certa de quem comigo cruzar.
  • Que eu tenha as palavras que precisarem escutar.
  • Que os anjos mexam seus pauzinhos, para que cheguem até mim quem for necessário.

  • Que me de sabedoria para usar as palavras, pois as palavras têm poder.

Aprendi com a minha avó! Mulher sábia essa Dona Beatriz! Dona das palavras certas nas horas certas da minha vida. Sempre de forma divertida e inteligente.

E outro sábio de minha vida me ensinou que:


Se o que for falar não servir para fazer a pessoa melhor ou mais feliz, não fale.

Obrigada marido por me ensinar! Embora tente não falhar com você, as palavras às vezes se perdem na rotina e na intimidade.

Para aqueles que usam as palavras de modo errado, espalhando discórdia, fofocas e maldades…os meus sentimentos, uma dica de leitura “Até onde vai o que te diz respeito” e o meu pedido mais sincero de amadurecimento, pois isso só vira contra você.

Resumindo minha forma de caridade sendo clichê:


As palavras animam e destroem, saber usá-las é um dom.

Por Cintia Almeida, que acredita que conversas podem ser muito mais que acasos, se as palavras certas forem usadas.

Ninguém está te pedindo para ser madre teresa, mas se mudar alguns hábitos fará a diferença na vida de alguém!

Artigo Anterior

O que você vai ser quando crescer?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.