O poder de distrair a mente após um rompimento amoroso:

Quem nunca passou por um rompimento amoroso nesta vida, não é mesmo?

Não importa o tempo em que você tenha ficado com alguém, seja por anos, meses ou até por algumas semanas, o rompimento pode ser algo muito traumático, principalmente naqueles casos em que a pessoa entra em sua vida e diz que você é muito importante na vida dela e, de repente, resolve sumir, sem dar maiores explicações.



Você sofre, o que é completamente comum para qualquer pessoa do universo, seja do gênero feminino ou masculino, sofrer é inevitável, e é imprescindível passar por todas as fases do término: luto, tristeza, raiva e, por fim, a libertação; esta última, é aquela sensação de que finalmente você está preparado(a) para conhecer outro alguém e já não fica recordando aquilo que viveu com o(a) ex.

Não pense em tentar pular nenhuma dessas fases, pois todas elas são de extrema importância, é necessário senti-las para chegar ao final renovado(a).

Durante todas essas etapas, para que se possa remediar essa dor, ou ao menos tentar aplacá-la,  de forma gradativa, é muito importante distrair sua mente, para não pensar naquela pessoa o tempo todo. Isso mesmo a distração pode ser o melhor caminho para sofrer menos.

Então, que tal aceitar aquele convite de um amigo para assistir a um filme no cinema? Ir a um barzinho jogar conversa fora, a uma livraria, e ficar lá por horas, nem que seja só para sentir aquele cheirinho delicioso de livro novo e ver as últimas novidades literárias? Ou focar em seus estudos, naquele projeto de fazer uma pós-graduação que você abandonou, ou até mesmo lutar por aquela tão almejada promoção no trabalho. Ouvir músicas mais alegres pela manhã, para lhe dar uma motivação maravilhosa, logo no início do dia, ou quem sabe colocar em prática aquele plano de fazer a tão sonhada viagem pela Europa.


Manter-se ocupado(a) planejando sua vida e seus interesses, são coisas que vão ajudar de uma forma agradável e saudável na superação do rompimento, e você deixará de pensar nos motivos do término e até mesmo de tentar entender porque ele(a) resolveu deixá-lo(a) e desaparecer de sua vida de forma tão inesperada.

Às vezes, é necessário entender que não era para ser, ou que cada pessoa tem um prazo para permanecer em nossas vidas. Ser capaz de colher os aprendizados que ganhou durante o relacionamento é significativo, porém, ainda mais importante é saber seguir em frente.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.