publicidade

O pote de feijão que pensei ser sorvete

Os enganos. Quem não deseja que aquele pote do freezer seja do seu sorvete preferido?! Aquele que você enxerga quando está no desejo de comer um doce numa tarde quente de verão?

Isso se chama desejo… e desejo é o que não temos, e é onde canalizamos energia para o que nos faz falta. O desejo desperta atenção e dá poder para o “objeto desejado”.



Voltando ao freezer: nesse momento, amamos a ideia desse sorvete! Amamos a ideia de saboreá-lo! Nesse dia que tudo o que você mais desejaria era tê-lo em sua boca, refrescante. Ao se lançar ao pote, na expectativa de saciar esse desejo, a desilusão e frustração são inevitáveis quando a realidade é diferente do que se idealizou.

Mas, e agora, a culpa é de quem? Do feijão? Do pote? De quem o colocou lá? Ou nossa por criar a ilusão do sorvete?

Nesse momento, passamos a amar ainda mais o sorvete e a reconhecer que de fato nos enganamos pelas aparências

E temos a mania de amar o que não temos e de amar o que não conseguimos. E aí está: amamos o que desejamos e desejamos o que não temos.


“Estava fácil demais ” você pode pensar… “um sorvete assim na geladeira”…

O importante é lembrar que há coisas a serem conquistadas com verdade e há de se ter calma e paciência para reconhecer os potes. Nem todos vão enganá-lo, alguns serão feijão, sim, mas há outros que estarão repletos de sorvete, e pode ser de um sabor novo, que você jamais provou e que, no fim, se você se permitir, pode acabar se apaixonando.

Basta também acreditar que você merece um pote de sorvete numa tarde quente de verão! Que os enganos não tirem a sua vontade e que os desejos não o iludam.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O segredo: Andor Bujdoso / 123RF Imagens


Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.