publicidade

O que é graça e como podemos usá-la em nossas vidas?

A palavra “graça” é bastante usada em contextos religiosos, mas tem mais a ver com conexão ao universo e humanidade do que com uma concepção de Deus.

Em essência, graça é o que nos permite seguir em frente de nosso passado e nos tornar pessoas melhores.



Ela contraria o egoísmo, o “olho para o olho”, e equilibra a justiça cármica.

A graça nos permite perdoar aqueles que nos machucaram e fortalecer nossos relacionamentos.

A graça permite que os dependentes alcancem a sobriedade, recompensa as mães com os filhos que merecem, está presente em histórias de adoção, desde aqueles que não estão prontos para criar filhos até aqueles que buscam renascimento em uma nova criança.

A graça pode estar presente em gentilezas, em conquistas de objetivos, em momentos de sorte. Ela está presente em nossas vidas diariamente.


A graça não é algo que conquistamos ou merecemos. É algo que nunca poderíamos imaginar pedir, e mesmo assim recebemos.

Apesar de ser algo visto com tranquilo, a graça não é complacente. Ela também desperta responsabilidade. Quando nos entendemos e identificamos como receptores da graça, temos a responsabilidade de passá-la para frente, melhorando a vida de outras pessoas. Ao mesmo tempo em que a graça nos ajuda, também nos capacita a ajudar aqueles ao nosso redor.

No entanto, a graça raramente aparece para nós do jeito que esperamos.

Podemos esperar que a graça se manifeste de maneiras amorosas e gentis. No entanto, isso raramente acontece. Ela pode vir de maneiras tristes, como por exemplo, o fim de um relacionamento, um motorista lento, uma rejeição profissional. Geralmente, nós não reconhecemos a graça pelo o que realmente é, especialmente nos estágios iniciais. Nós tendemos a analisar a situação de forma limitada, sem ver o quadro todo. Mas mesmo nesses momentos, a graça ainda está conosco.

Onde encontramos a graça?

Quando descobrimos talentos e vocações em nós mesmos, a graça se manifesta em nossas vidas. Os nossos talentos são como presentes que recebemos quando nascemos para essa vida. Temos a tendência de esquecer esse fato, porque vivemos em uma sociedade egocêntrica e competitiva. Somos nós que alimentamos nossos talentos, mas eles já nasceram conosco, foi imposto a nós por algo maior.


A nossa responsabilidade enquanto seres humanos é utilizar a aperfeiçoar os dons que possuímos. Não somos nós que colocamos a bondade em movimento, mas é nossa função fazer com que ela chegue sempre a novos lugares.

Você já experimentou graça em sua vida? O que você faz para que ela continue em movimento?

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.