ComportamentoRelacionamentos

O que fazer quando não te amam de volta?

“Ora, só três? Mas falta uma! São dois pares de cada! Oh, aí vem ela, toda tristonha. Cupido é mesmo um moleque malvado! Contenta-se em deixar tão triste as mulheres!” William Shakespeare, Sonhos de uma noite de verão.



Ah, um amor não recíproco, todos nós já passamos por isso. Respire calmamente, tome uma dose saudável de calma e leia sobre como lidar quando o amor quando não é recíproco. 

O que acontece quando o nosso amor e admiração por uma pessoa em particular é deixado, na melhor das hipóteses, com apenas uma resposta morna?

Nós nos perguntamos por que e então fazemos tudo o que estiver ao nosso alcance para tentar fazer a pessoa mudar de ideia.  No entanto, você sabe em seu coração que isso não mudará nada e você, provavelmente, só piorará as coisas para o seu lado. Uma rejeição romântica é dolorosa demais, porque o amor é uma questão tão subjetiva e colocamos tanta importância para o nosso estado emocional, até mesmo para os homens mais frios.


Deixe-nos identificar os sentimentos de rejeição.  Aqui está uma lista básica deles:

– Tristeza;

-Sofrimento emocional;

– Inadequação;


-Raiva;

É natural sentir-se triste depois da rejeição. De acordo com o especialista em relacionamento, Ellie Prior, “ser muito emocional” prende ” a sua atenção em toda a negatividade, que também não nada é útil para você”. Todos nós sabemos que o objetivo final está em seguir em frente e voltar a se sentir melhor sobre você mesmo, pronto para o próximo que o valorizará. A questão é, como lá chegar?

Veja como lidar quando quem você ama, não ama de volta:

1. Compreender a rejeição


Como você pode entender alguém que o rejeita? Mesmo os melhores já sofreram rejeição em algum momento – assista o filme Casanova estrelado por Heath Ledger e Sienna Miller para entender, não só para os interessados em Giacomo Casanova, mas também pelo personagem do título. A boa notícia é que, às vezes, a rejeição nem sempre é permanente ou é um caso de fechamento de uma porta para se abrir outra (uma melhor ainda!).


2. A maneira como você reage

Sabemos que é difícil de engolir. Você dá a rejeição tanto poder que isso o consome, devorando a sua felicidade. Não esfregue sal em suas próprias feridas e reclame sobre isso! Você precisa estar entusiasmado para provar todos os sabores da vida, por isso é do seu melhor interesse fazer da sua vida uma verdadeira tempestade. Então, faça aulas de culinária, chame alguns amigos para algumas cervejas ou taças de vinho, vá ao seu restaurante favorito e peça a refeição mais cara no menu, valorize-se, faça o que sempre quis. Uma vez que você vê que a vida não é amarga, você será doce.



3. A curva de aprendizado

Embora isso seja contra-intuitivo, uma das maneiras de enxergar objetivamente a falta de amor recíproco é aprender com isso. Pense em como você estava agindo em torno de sua pessoa de interesse. O que você poderia fazer diferente? Como essa experiência dolorosa pode ajudá-lo a crescer? Permanecer calmo e fazer isso irá ajudá-lo no futuro para que você seja feliz ou se sinta melhor,se houver outra rejeição.



4. Rejeição significa que você está vivendo sua vida

Walt Disney não tinha imaginação, os Beatles nunca fariam música, Albert Einstein nunca seria tudo isso. Todos nós já ouvimos as histórias. Saiba disso! A rejeição é uma parte da vida e acontecerá de tempos em tempos. Depende de continuar estudando você mesmo, para nunca ser desencorajado de viver sua vida ao máximo. Continue lutando; sempre haverá alguém que irá apreciá-lo.


5. A única aprovação digna do seu tempo é sua


Felizmente, a única pessoa de quem você precisa da aceitação, é você mesmo. Isso sempre superará a dor da rejeição romântica e medo dela. Lembre-se de que o amor-próprio tem um certo poder magnético ligado a ele.

Assim como diz uma passagem do livro de Whitney Houston enquanto canta “Greatest love of all”, em português, “O maior amor de todos”. “Porque o maior amor de todos está acontecendo comigo. Encontrei o maior amor de todos dentro de mim. O maior amor de todos é fácil de se alcançar. Aprender a amar a si mesmo, é o maior amor de todos “.

Imagine uma flor bonita em um jardim e uma criança arranca a flor do seu caule, a parte que foi roubada morre e a criança já se foi, mas o caule faz a única coisa que sabe fazer: crescer outra flor bonita. Ela consegue  esse feito, graças às suas raízes.

Nesse cenário, você é o caule, a criança retrata aquele que o rejeitou e a flor é o amor que você tem por alguém. Uma coisa é certa: não há absolutamente nenhuma rejeição aqui. Você é amado, não importa o quê!


__________

Direitos autorais da imagem de capa: akz / 123RF Imagens

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Power of Positivity


O valor terapêutico da espiritualidade: um caminho de cura!

Artigo Anterior

Odiar aos outros é odiar a si mesmo.

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.