Animais

O que os cães veem antes de morrer. Algo que todos precisamos saber

O que os cães sentem

Uma leitura muito interessante. Confira!



Todas as pessoas que têm ou já tiveram um cão sabem o quanto eles são especiais e leais, seu amor e cuidado conosco são puros e podem transformar nossas vidas, trazendo-nos muito mais alegria e prazer.

Quando chega o momento de nos despedir de nossos companheiros, a dor pode invadir nossos corações, principalmente quando a decisão é tomada com a ajuda de um médico-veterinário, que fará o procedimento.

Muitas pessoas optam por não estar presentes durante o processo de eutanásia de seus cãezinhos, por ser um momento de muita dor. No entanto, o que um veterinário revelou pode mudar sua opinião sobre o assunto.


Segundo citado pelo The Independent, no fim de julho de 2018, uma usuária do Twitter, Jessi Dietrich, compartilhou na rede social o que um veterinário revelou sobre a parte mais difícil de seu trabalho, e seu depoimento deixou muitas pessoas chocadas.

Jessi postou o seguinte:

Direitos autorais: reprodução Twitter/@jessi_dietrich.

Tradução: “Perguntei ao meu veterinário qual era a parte mais difícil de seu trabalho e ele me disse que, quando tinha que sacrificar um animal, 90% dos donos não queriam estar na sala durante o procedimento, então os animais passavam seus últimos momentos olhando freneticamente ao redor, procurando seus donos.”


O objetivo de sua postagem foi conscientizar as pessoas do quão importante é para os nossos animais a nossa presença no momento do adeus.

A publicação comoveu muitas pessoas, gerou milhares de compartilhamentos e de interação com donos de animais que contaram suas histórias e perceberam a importância de estar próximo aos seus amigos nos últimos momentos.

No mesmo artigo, o The Independent cita outra publicação, feita pelo Hospital Veterinário Hillcrest, da África do Sul, sobre os últimos momentos dos cãezinhos. Segundo a postagem, não é recomendável que os donos deixem os seus animais sozinhos durante o processo de eutanásia. O texto explica que nós temos sido “o centro do mundo” dos cães por toda a sua vida e que não devemos deixá-los partir rodeados de adultos e em lugar de que não gostam.

Esperamos que essas informações tenham tocado o seu coração e que você esteja com seus companheiros até o fim.


Compartilhe esta publicação com seus amigos!

 

Benefícios do yoga para pessoas ansiosas e depressivas

Artigo Anterior

Pais descobrem lista de desejos da filha de 9 anos, depois de sua morte, e percorrem o país para concluí-la

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.