O que passou, passou. Perdoe sempre!

4min. de leitura

O que passou, passou. O que temos que fazer é aprender com o passado e praticar o perdão. Com ele, a nossa vida torna-se mais leve e cheia de amor.  Perdoe sempre.

Como praticar o perdão?

O mundo está tão cheio de ódio e rancor, que não está sendo fácil praticar o amor e o perdão.



Já se perguntou por que quase sempre não nos ensinam o perdão? Aquele que vem de dentro da alma?

Quantas vezes o ressentimento o manteve preso ao passado?

Quando você lembrou-se do passado e arrependeu-se de algo?


Antes de começar, você deve: estar disposto, abrir o seu coração, ser sincero e aceitar o que aconteceu, afinal, o passado não pode ser modificado, mas o hoje, o agora, sim. Reconhecer que todos nós erramos, pois  somos seres em evolução. Compreender a si e ao outro.


Então, aqui começamos uma breve jornada de como praticar o perdão:

Perdoe-se

Perdoo-me por ter perdido a paciência.

Perdoo-me por não ter sido a pessoa mais atenciosa naquele momento.


Perdoo-me por não ter sido compreensiva com você.

Perdoo-me por não ter dado o meu melhor.

Perdoo-me por me trair.

Perdoo-me por ter lhe causado dor.

Perdoo-me por ter agido por impulso.

Perdoo-me por ter mentido para mim.

Perdoo-me por não ter me feito presente.

Perdoo-me por não ter sido capaz de resolver aquela situação de maneira diferente.

Perdoo-me por não ter conseguido perdoar naquele momento.

Perdoo-me por todos os erros que cometi e os aceito como parte da minha evolução.

Perdoo-me por tudo que fiz, afinal, era o melhor que eu poderia fazer naquele momento.

Perdoo-me hoje e sempre.

Perdoo-me e liberto-me de todo meu passado.


Perdoe o outro

Perdoo-lhe  por ter me magoado.

Perdoo-lhe  você  ter sido incompreensível comigo.

Perdoo-lhe por ter alterado o tom de voz comigo.

Perdoo-lhe por não estar  mais  presente.

Perdoo-lhe por sua falta de paciência.

Perdoo-lhe por não ter me amado como eu gostaria.

Perdoo-lhe por não ter me aceito do jeito que sou.

Perdoo-lhe pelas discussões.

Perdoo-lhe pelo sofrimento.

Perdoo-lhe por suas atitudes que, de alguma forma, magoaram-me.

Perdoo-lhe pelos momentos difíceis.

Perdoo-lhe por não ter enfrentado a situação.

Perdoo-lhe por  ter mentido para mim.

Perdoo-lhe por tudo que  fez.

Perdoo-lhe pela dor que  me causou.

Respire vagarosamente três vezes. Imagine em cada respiração profunda, que sua alma está se purificando cada vez mais, harmonizando-se para seguir em frente. 

Eu sei que na teoria é muito fácil perdoar e que na prática não é bem assim. Teremos momentos em que não iremos deixar a mágoa, a raiva, a tristeza de lado, mas quanto mais praticarmos o perdão, mais fácil e natural será deixar esses sentimentos ruins.


Se praticarmos o autoperdão conseguiremos perdoar os outros mais facilmente.

“Aquela pessoa não merece o meu perdão”. Deixe o seu ego e rancor de lado.

“Ela é rancorosa. Ela não pede desculpas”. Liberte-se, livre-se desse sentimento que está dentro de você. Lembre-se: você é a única pessoa capaz de mudar esse sentimento que está aí dentro, mais ninguém. Você é o responsável pelo que cultiva dentro de ti.

Lembre-se: o que passou, passou. O que temos que fazer é aprender com o passado e praticar o perdão. Com ele, a nossa vida torna-se mais leve e cheia de amor.

Perdoe sempre.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

* Matéria atualizada em 15/06/2017 às 17:08






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.