ComportamentoColunistas

O que será preciso para abrir os seus olhos?

O que será preciso

Tenho pavor de quebrar os dentes. Não sei de onde vem isto, mas já cheguei a sonhar que tropecei, caÍ de cara no chão e espatifei vários dentes.



Foi tenebroso!!! Certa vez, conversando com um amigo sobre este assunto, ele me disse que um dente seu apareceu com um pequeno furo, no entanto isto não lhe acarretou dor alguma, daí não tomou providência, priorizou “coisas mais urgentes”.

Tempos depois, o dente furado fraturou até abaixo da linha da gengiva, o que, conforme seu dentista, só deixava uma solução: extraí-lo. Foi horrível perder um dente por pura negligência, porém, ele superou.

Um ano após este evento nefasto, outro furo surgiu em outro dente.


Alguns dirão que a higiene dentária dele não é das melhores, entretanto peço que não se prendam a esta reflexão, pois a mensagem está em outro ponto da história.

Novamente o furo não ocasionou dor alguma e, por conta disto, ele retardou a ida ao dentista.

Consequência: mais um dente fraturado abaixo da linha da gengiva e mais uma extração.

Quando estava sendo avaliado pelo dentista, este lhe disse o seguinte: “Aconteceu com este dente exatamente o que aconteceu com o outro”. Estas palavras o atordoaram!


Quantos dentes ele teria que perder até entender que os cuidados devem ser tomados assim que surgir o primeiro furo?

Aliás, o ideal seria que os cuidados fossem tomados de modo a impedirem o aparecimento do primeiro furo, todavia, caso não houvesse estes cuidados preliminares, OS CUIDADOS REPARADORES DEVERIAM SER TOMADOS EM CARÁTER DE URGÊNCIA, ASSIM QUE O PROBLEMA COMEÇASSE A DAR AS CARAS!!!

Na vida é a mesma coisa. No amor, mais ainda. Se deixamos um furo surgir e depois aprendemos a conviver com ele, em breve uma fratura letal se estabelece.

Se suportamos o desprezo de alguém, ou seu desrespeito, ou seu marasmo, ou seu hábito de nos deixar em último plano, ou sua mania de fazer valer apenas a sua vontade, etc, tudo isto são furos, e estes furos podem, a qualquer momento, provocar uma fratura incorrigível.


Quantas perdas deverão existir até que entenda que sua felicidade não pode ser deixada para última hora?


Direitos autorais da imagem de capa: wallhere.com / 415210


“o que fazer se o filho não quer estudar” – dicas de içami tiba

Artigo Anterior

Um grande texto para uma grande mulher

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.