O sentido da vida está no sentir de cada momento vivido



Hoje tirei um tempo para escrever um pouco sobre a grandiosidade que é a vida.

Com o passar dos anos, sinto que a vida está cada vez mais vulnerável, diante de um mundo perfeito que nos foi criado, manuseado por pessoas cegas pela inteligência de uma era com tanta informação.

O amor está deturpado, a tolerância escassa e o respeito pede por misericórdia para seguir com mais dignidade, justiça e segurança.

Nossas crenças e valores nos edificam e seguimos perseverantes, mas muitos devem se perguntar: qual é o sentido da vida?

Talvez, a primeira coisa que passe por nossas cabeças seja o sofrimento, tragédias. Enquanto alguns choram, outros riem. Alguns são contemplados e outros suplicam por tão pouco, mas que significa muito. Tanta gente dedicando seu precioso tempo com o outro, que até acreditamos que pode existir compaixão.

Mas no momento de dificuldade mútua, só existe o interesse próprio. Então qual é o sentido da vida?

Tenho certeza que você já ouviu falar! Resume-se em uma palavra: amor!

Então vou lhe fazer uma pergunta: o que você faz para que sua vida faça sentido?



Acredito que devemos praticar o sentido da vida com hábitos diários.

Independente de religiosidade, acredite em si e na sua . Devemos ver o amor em todas as coisas, agradecer pelo o que nos foi dado e refletir sobre as consequências de nossas escolhas.

O sentido da vida está no sentir de cada momento vivido.

Nos sorrisos de conversas saudáveis, no respirar, no caminhar. O sentido da vida é tornar cada momento importante, é olhar o mundo com os olhos do outro. É cuidar da saúde, como um bem precioso, para se ter mais qualidade de vida.

É dizer para si mesmo que, apesar das dificuldades, a gente segue em frente, porque sempre haverá dias melhores, dias de glória, e que dá, sim, para ser feliz hoje!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF / gstockstudio






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.