Os 2 tipos mais comuns de dor de cabeça e o que eles revelam sobre sua saúde!

A dor de cabeça tem variações, e cada uma pode revelar algo sobre nossa saúde. Descubra os tipos mais comuns e seus significados!



Certamente, você já experimentou dor de cabeça mais de uma vez. É muito comum e tem diversas causas. Geralmente, passa depois de um tempo, com um simples tratamento caseiro. No entanto, existem tipos mais sérios, que precisam de atenção e tratamento médicos.

Abaixo mostraremos alguns tipos de dor de cabeça e o que eles têm a dizer sobre a nossa saúde. As informações foram compartilhadas pelo Stanford Health Care, que faz parte do Centro Médico da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, considerado um dos melhores hospitais do país.

Fique atento às informações e, caso se identifique com algum tipo de dor de cabeça perigosa, procure ajuda médica.


As dores de cabeça podem variar em intensidade, localização, causa e frequência. Aqui estão alguns tipos:

Dores de cabeça primárias

Neste tipo de dor de cabeça, a própria cabeça é o problema, ou seja, as dores não são sintomas de nenhum problema de saúde subjacente. Embora a dor possa ser intensa e muitas vezes nos incapacitar para algumas atividades, ela não oferece nenhum perigo.

Essas dores são resultado da inflamação de partes sensíveis à dor no corpo, no pescoço e na cabeça, como:


  • Nervos.
  • Veias de sangue.
  • Músculos.

Entre os tipos mais comuns de dores de cabeça primárias, estão:

  • Enxaqueca: dor que quase sempre ocorre em um lado da cabeça. Pode durar de duas a setenta e duas horas, normalmente, e está frequentemente associada a náuseas e/ou vômitos, sensibilidade à luz e/ou som. A dor é tipicamente latejante. Trata-se de uma condição genética e crônica. Por enquanto não há cura.

  • Cefaleia tensional: A dor costuma se concentrar na nuca, têmporas e testa. Causa uma sensação de pressão na cabeça e dura de horas a dias. A cefaleia tensional pode coexistir com a enxaqueca ou ser desencadeada por ela. Tratamentos como fisioterapia, terapia de relaxamento e anti-inflamatórios ou relaxantes musculares podem ajudar a vencê-la.

  • Dor de cabeça hipnótica: um raro tipo de dor de cabeça que se manifesta em pessoas com idades entre 40 e 80 anos. Ela acontece apenas à noite, no mesmo horário, e costuma durar de 15 a 60 minutos. Essa dor ocorre de ambos os lados da cabeça e não indica sinais de gripe. Ela exige tratamento especial, já que não costuma melhorar com medicamentos habituais.

  • Dor de cabeça em salva: essa dor de cabeça dura entre 20 minutos e duas horas. É sempre unilateral e pode vir acompanhada de lacrimejamento, pupila dilatada, pálpebra caída e congestão nasal de um lado. Costuma ocorrer várias vezes ao dia e durar dias ou semanas, e desaparecer por semanas ou meses. É preciso um plano de tratamento bem elaborado para combatê-la.

Dores de cabeça secundárias

Esse tipo de dor cabeça é causado por outro problema que se desencadeia em áreas sensíveis à dor no pescoço e na cabeça. É menos comum, mas também pode ser mais grave do que as primárias. As dores de cabeça secundárias podem indicar doenças sérias, como:

  • Tumores cerebrais.
  • Aneurisma.
  • Meningite.
  • Lesão no pescoço ou cérebro.

Elas podem se tornar insuportáveis, e é fundamental buscar ajuda médica para lidar com elas.

As dores de cabeça podem ser causadas por distúrbios de:

  • Pescoço.
  • Olhos.
  • Cérebro.
  • Mandíbula.
  • Dentes.

As primárias podem ser incentivadas também por uso de determinados medicamentos, desidratação e mudanças hormonais. Outros gatilhos incluem:

  • Luz pulsante ou brilhante.
  • Certos alimentos (cafeína, vinho tinto, chocolate, queijos envelhecidos).
  • Estresse.
  • Sono (em falta ou em excesso).

Caso tenha se identificado com alguma dor de cabeça preocupante, não perca tempo em procurar ajuda médica, pois ela será fundamental para que você encontre o tratamento adequado.

Compartilhe o texto com os amigos nas redes sociais!

 

Este conteúdo tem caráter informativo e nunca deve ser usado para definir diagnósticos ou substituir a opinião de um profissional. Recomendamos que você consulte um especialista de confiança.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.