ColunistasComportamento

Os 5 maiores arrependimentos de quem está morrendo:

OS 5 MAIORES ARREPENDIMENTOS capa e dentro

Antes de Morrer…



Bronnie Ware, uma enfermeira australiana que trabalha tomando conta de pacientes em suas últimas semanas de vida se inspirou nas histórias que acompanhou durante anos e escreveu o livro: The Top Five Regrets of the Dying (Os cinco maiores arrependimentos de quem está morrendo). São eles:

  1. Eu gostaria de ter tido coragem de viver uma vida fiel a mim mesmo, e não a vida que os outros esperavam de mim;

  2. Eu gostaria de não ter trabalhado tanto;
  3. Eu gostaria de ter tido coragem de expressar meus sentimentos;
  4. Eu gostaria de ter mantido contato com meus amigos;
  5. Eu gostaria de ter me deixado ser mais feliz.

  • Sabendo que desta vida ninguém escapa vivo, por que deixamos para resolver algumas questões somente quando estamos à beira da morte?
  • Por que gastamos o nosso precioso tempo fazendo algo que não é importante pra nós, e sim para o outro?

  • Por que insistimos num trabalho sem significado, que não nos faz crescer como seres humanos, que não nos faz evoluir?
  • Por que usamos máscaras e deixamos de expressar aquilo que sentimos? Porque temos tanta dificuldade de dizer que amamos? Por que temos tanta dificuldade de pedir perdão?
  • Se construímos com os amigos uma relação muitas vezes mais verdadeira do que com a nossa própria família, por que permitimos que o dia-a-dia nos afaste?
  • Por que deixamos de escutar a nossa intuição e o nosso coração, se sabemos que são somente eles que podem nos guiar para a felicidade?

  • Por fim, apesar de parecer insano, deixo claro que sou muito grato aos meus arrependimentos, pois foram eles que me conduziram ao caminho mais adequado.
  • E você, vai esperar até quando para trilhar o SEU verdadeiro caminho?

Bom dia! Levante e vá realizar seus sonhos!


Cansei de me importar demais!

Artigo Anterior

Desculpe-me, mas simpatia forçada nunca foi o meu forte!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.