5min. de leitura

Os Dias Ruins Também Passam…

Um dia me disseram que os dias ruins também passam.

Mas a verdade é que,quem está em um dia ruim não quer saber se ele vai passar ou não.


Aliás essa é a última coisa que passa pela cabeça de quem não está bem, porque a pessoa sente tanto, mas tanto, que a dor não cabe mais no peito e por vezes escorre pelos olhos.

A verdade é que ela só quer alguém ao lado para dar um colo. E dizer: Eu sei que não está tudo bem, mas eu estou com você.

Parece que ninguém entende. Porque vivemos em um mundo onde só estar do lado não basta. É preciso ter solução para tudo. E nessa busca desenfreada por soluções esquecemos do principal: Ser presente.


Acredito que coisas “ruins” acontecem porque volta e meia, a vida dá um jeito de nos chamar para dentro, para vermos o que tem ali que precisa ser mudado, e aí quando a gente não escuta nas sutilezas ela vem e ensina de uma forma não tão doce.

Costumo dizer que não basta chegar ao fundo do poço, em alguns momentos tem que pegar a colher e cavar mais um pouquinho, tem que se permitir passar pela dor sim, colocar ela do seu lado e dizer: Senta aqui minha amiga, vamos conversar, o que é que você tem para me ensinar?


Tenho visto que é nesse cavar mais um pouquinho que às vezes descobrimos grandes tesouros que estavam ali encarcerados dentro de nós, só esperando o momento certo para serem descobertos

Não tem nada de errado em ter dias ruins, em se permitir chorar, ficar triste com raiva ou qualquer coisas que “não seja positiva” .

Já é tempo de parar de taxar os sentimentos, sentir é humano, não há sentimento bom nem ruim, a questão sempre foi o que fazer o que sentimos, Mas não fomos ensinados para isso, fomos ensinados a deixar de lado tudo aquilo que é “ruim” e aí de tanto deixar de lado, uma hora as “coisas ruins” explodem, seja numa tristeza profunda, numa depressão, ou em outros problemas de saúde. Quando a MENTE CALA, O CORPO FALA.

Tenho aprendido que é forte e corajoso quem se permite amar, sofrer, rir, chorar. Porque se permite viver de verdade, essa é a magia.

Porque é nos bastidores que a vida de verdade acontece. É na luta de todo dia, do acordar cedo, tomar um banho e ir trabalhar sem ter a menor vontade,do ter que aturar gente chata, de bater com dedinho no móvel e xingar o carro que cortou a sua frente que quase te fez bater, das frustrações, dos sonhos não realizados, da ansiedade em ver algo acontecer. Mas essa é a parte que ninguém conta, porque ela não dá ibope.

Eu não sei exatamente como está o seu coração nesse momento,mas, eu sei que se é um dia bom, aproveite ele ao máximo, viva com intensidade cada segundo.

Se for um dia ruim, então, sinta ele também, viva ele ao máximo e saiba que ele é seu amigo e tem muito a te ensinar. Talvez seja a lição que você insiste em deixar para aprender depois, talvez seja a proteção por algo que você nem faz ideia.

Que tal hoje, só por hoje, viver o hoje, seja esse hoje feliz ou triste.  É um dia. E nesse dia, procure lembrar das pessoas que estão ao seu lado, não tenha medo de abrir o coração. Lembre que por mais difícil que esteja sendo você tem muitas coisas boas.

É no hoje que passado e futuro se encontram, talvez por isso que esse tempo seja chamado de presente.  Nem sempre ele vem com o laço de fita bonito que esperamos, mas, quem sabe a “caixinha” nos reserve uma boa surpresa por mais estranha que pareça ser a embalagem.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.