Notícias

Os funcionários desta estação de ônibus oferecem abrigo para os cães de rua com cobertas e pneus

caes abandonados
Comente!

O dos cães de rua e abandonados, forçados a passar dias e noites do lado de fora, sem abrigos e expostos a riscos constantes, é um problema que afeta muitas cidades do mundo. Felizmente, no entanto, existem pessoas que decidem todos os dias cuidar desses seres indefesos e dar a eles algum conforto, com todos os meios à sua disposição, mesmo que com os mais simples.

É o caso dos funcionários da estação de ônibus protagonistas da história que vamos contar. Pessoas com um grande coração que, para proteger os cães sem teto, implementaram um “plano” simples, mas muito útil.

Estamos em Curitiba, no terminal de ônibus de Barreirinha. Aqui, graças à força e à boa vontade de quem trabalha na estação, os cães sem teto podem encontrar abrigo todos os dias, além de comida, água e assistência. Cobertores e pneus velhos em desuso, tornam-se suas novas “casas”, camas reais que permitem que esses animais encontrem algum calor, mesmo nas noites frias de inverno.

Carinho e atenção são exatamente as coisas que esses animais precisam. De fato, são criaturas frequentemente acostumadas a serem abusadas ou negligenciadas pelos seres humanos, vítimas de verdadeiros traumas. E, embora esses cães possam estar mais acostumados a viver fora durante o inverno, especialmente à noite, eles realmente correm riscos enormes.

Max, Pitoco e Zainho, três cachorrinhos que se tornaram hóspedes regulares na rodoviária de Barreirinha, sabem bem disso. Suas camas improvisadas ​​podem parecer objetos “simples”, mas na realidade elas representam uma salvação autêntica. Basta olhar para os rostos e as expressões que eles têm para perceber as enormes dificuldades que experimentaram e a gratidão que sentem por aqueles que cuidam deles.

18275157 1698868553463598 3602376340482440154 n

Direitos autorais: reprodução.

E o abrigo criado pelos funcionários da estação, é um excelente exemplo de como é possível fazer muito por aqueles que precisam, mesmo com soluções simples e econômicas. Documentando tudo em uma página social, eles receberam uma forte apreciação de muitos usuários da web.

A esperança é que essas iniciativas ajudem a espalhar cada vez mais a consciência necessária da urgência de ajudar criaturas inocentes, que na vida tiveram apenas a má sorte de terem nascido no lugar errado ou terem caído nas mãos das pessoas erradas.

18274928 1698866196797167 4061658317737220424 n

Direitos autorais: reprodução.

Comente!

Demi Lovato: “Confesso que me encantaria sair com um extraterreste. Estou cansada dos humanos!”

Artigo Anterior

EUA e Rússia dão largada à imunização de animais contra a Covid-19

Próximo artigo