Notícias

‘Os médicos não esperavam que eu sobrevivesse’, diz mãe que deu à luz com covid-19

medicos nao esperavam
Comente!

Após contrair covid-19 e precisar dar à luz em uma cesárea de emergência enquanto estava na UTI, a mãe Sierra Nelson – da cidade de Tulsa, em Oklahoma, nos Estados Unidos – recebeu alta do hospital e finalmente pode se juntar a sua filha, a pequena Oakley.

De acordo com a emissora de televisão local News on 6, Sierra testou positivo para covid-19 no dia 23 de setembro, quando estava com 32 semanas de gestação. No dia 3 de outubro, ela foi internada na UTI e respirava com auxílio de um respirador.

“Eu realmente esperava poder conhecer minha filha. Mas pensava: ‘mesmo se eu não puder fazer isso, pelo menos sei que ela tem um ótimo pai e uma boa família que a ama’”, disse a mãe, para a emissora.

Seu marido, Jacob, se reunia todas as noites com amigos e familiares no estacionamento do hospital, para rezar pela saúde de Sierra e Oakley. O bebê nasceu em 6 de outubro, enquanto a mãe ainda estava no respirador. “Eu achei que não ia melhorar. Os médicos não esperavam que eu sobrevivesse”, relatou Sierra.

Com o passar do tempo, porém, o estado de saúde da mãe foi progredindo e ela recebeu alta do hospital. Sierra contou nunca ter imaginado que sua primeira gravidez seria assim, mas que se sente feliz por te se recuperado para ficar com a filha. “Mesmo enquanto estava internada, sempre que os médicos permitiam eu ia ver a Oakley”, lembrou.

A pequena ainda está no hospital, mas deve receber alta em breve. “Estamos prontos para seguir em frente. Isso foi difícil, mas Deus nos trouxe até aqui e estamos prontos para ver o que Ele tem para nós a seguir”, disse Jacob.

Amigos da família criaram uma vaquinha online, para ajudar nos custos das internações. Até o momento, foram arrecadados cerca de 1.500 dólares.

Comente!

Thais Fersoza fala sobre a vida sexual com Michel Teló após os filhos: “Sorte danada”

Artigo Anterior

Homem que levou “Round 6” para Coreia do Norte é condenado à morte

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.